Home Portal Notícias Comissão vai ouvir delegado da PF que apresentou notícia-crime contra ministro Ricardo Salles

Comissão vai ouvir delegado da PF que apresentou notícia-crime contra ministro Ricardo Salles

4 min read
0

A Comissão de Legislação Participativa (CLP), presidida pelo deputado Waldenor Pereira (PT-BA), aprovou em reunião virtual, nesta terça-feira (20), requerimento de autoria dos deputados Joseildo Ramos (PT-BA) e Paulo Teixeira (PT-SP) para ouvir o ex-superintendente da Polícia Federal no Amazonas, delegado Alexandre Saraiva. O delegado apresentou notícia-crime no Superior Tribunal Federal contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Ele acusa o ministro de interferências indevidas no trabalho da Polícia Federal e por defender madeireiros flagrados praticando desmatamento na Amazônia.

Joseildo Ramos e Paulo Texeira querem esclarecimentos sobre os motivos que levaram a direção da Polícia Federal a removê-lo do cargo que vinha exercendo. A data para a oitiva ainda não foi definida.

Alexandre Saraiva também apresentou notícia-crime, no último dia 14, contra o senador Telmário Mota (Pros). A acusação tem como base uma investigação feita no final de 2020, e culminou com a apreensão de mais de 200 mil metros cúbicos de madeira, avaliados em cerca de R$ 130 milhões.

A madeira ilegal foi apreendida no estado do Pará, no mês de março. Laudo da Polícia Federal revela que a carga é fruto de desmatamento ilícito. Em recente visita ao Pará, Ricardo Salles contrariou a PF, responsável pela ação, e exigiu a liberação da madeira ilegal.

“Torna-se necessário evidenciar quais motivações e justificativas levaram a direção da PF a trocar o delegado Alexandre Saraiva do cargo neste momento, já que o mesmo apresentou fatos que colocam em dúvida a própria atuação do ministro na administração pública”, argumentam os proponentes do requerimento.

Para o deputado Joseildo, a Amazônia precisa ser preservada. Ele lembrou que nos próximos dias 22 e 23, o Brasil estará sentado junto com outras nações na Cúpula de Líderes sobre o Clima. Nesse encontro, continuou o deputado baiano, os chefes de Estados irão debater o futuro climático global.

“O Brasil hoje é considerado um párea internacional, e esse ministro não tem nada a ver com a proteção do meio ambiente entre nós. Nós ainda temos uma legislação que está sendo destruída, uma legislação moderna, que é exemplo para todo mundo. Então, nós queremos saber dos detalhes que alicerçou a notícia-crime apresentada pelo delegado Alexandre Saraiva”, reiterou Joseildo Ramos.

O requerimento também foi subscrito pelo deputado João Daniel (PT-SE).

 

Benildes Rodrigues com informações de assessoria parlamentar

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

TJ-DF condena Augusto Nunes a indenizar Gleisi Hoffmann por misoginia

O colegiado da 3ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou o jornal…