Home Portal Notícias Presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Correios participa de debate para definir estratégias na defesa da estatal

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Correios participa de debate para definir estratégias na defesa da estatal

5 min read
0

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Correios, deputado federal Leonardo Monteiro (PT-MG), juntamente com parlamentares de diversos partidos, lideranças políticas e entidades estiveram presentes em reunião sobre o projeto de lei (PL 7488/2017), referente à quebra do monopólio dos serviços postais e sobre o PL nº 591/2021, que trata sobre a privatização dos Correios. O encontro virtual ocorreu nessa terça-feira (6).

A reunião foi organizada pelas frentes parlamentares em Defesa dos Correios; em Defesa da Soberania; e em Defesa das Empresas Públicas. O destaque do debate foi a união das lideranças e o fortalecimento da mobilização em defesa dos Correios como um patrimônio público. Para Leonardo Monteiro, é importante que haja a construção de uma estratégia para resistir e impedir a privatização dos Correios. “A história dos Correios se confunde com a história do povo brasileiro, em todos os municípios a empresa está presente. Os Correios garante a soberania nacional, sendo uma empresa pública e estratégica que presta serviço essencial à população”, afirmou.

Além de Monteiro, a deputada federal Erika Kokay (PT-DF) disse que os Correios é uma instituição que consegue abarcar todas as regiões do País, sendo uma empresa de logística que leva livro didático, medicamentos, esperança e vida para os brasileiros. “A essência do Estado é a proteção social, por isso, os Correios fazem parte da nossa soberania, abrir mão dos Correios é abrir mão da nossa soberania”, afirmou.

Para o deputado federal Enio Verri (PT-PR), o caminho agora é a organização da população. “O Congresso Nacional reage de acordo com a pressão social. Precisamos de uma grande força em defesa do Estado brasileiro e da nação, porque de forma isolada não vamos vencer essa guerra”, declarou.

Pressão

Para o secretário-geral da FENTECT, José Rivaldo, o desmonte dos Correios já acontece há alguns anos, no entanto, com o desgoverno Bolsonaro vem avançando esses ataques para acelerar a privatização do serviço postal. “No ano passado, fizemos um grande movimento de greve dos trabalhadores dos Correios, agora estamos discutindo internamente para definir estratégias para culminar em ações no Congresso Nacional e também sobre um grande movimento de rua para chamar a sociedade contra a venda dos Correios”, declarou.

O presidente da FINDECT, José Aparecido Gândara, comentou sobre os diversos ataques que a estatal vem sofrendo durante os últimos anos e falou ainda sobre a importância de criar dentro do Congresso Nacional ações e estratégias para impedir a privatização dos Correios. “Nós precisamos montar uma comissão para chegar a cada deputado para realizar esse convencimento”, afirmou.

Assessoria de Comunicação

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Leo de Brito quer que ministro da Justiça explique sobre a intervenção na PF do Amazonas

O deputado federal Leo de Brito (PT-AC) apresentou requerimento de convocação na Comissão …