Home Portal Notícias Coronavirus Moradores de favelas apresentam pedido de impeachment contra Bolsonaro nesta terça em Brasília

Moradores de favelas apresentam pedido de impeachment contra Bolsonaro nesta terça em Brasília

4 min read
0

Moradoras e moradores de territórios de favelas e periferias apresentam nesta terça-feira (6), às 15h, no Salão Negro da Câmara dos Deputados, mais um pedido de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro. No pedido, elaborado pela Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD), os cidadãos e cidadãs moradores de favelas e periferias apontam ações e omissões criminosas do atual presidente no enfrentamento à pandemia e contra a solução dos graves problemas sociais advindos com o novo coronavírus.

O líder do Movimento Nacional de Favelas e Periferias, André Constantine, vai protocolar o pedido e dará uma entrevista coletiva para explicar à imprensa os motivos dos moradores de favelas e periferias para o pedido de impeachment.

“No cenário de pandemia de um vírus letal, as ações de um governante que se recusa a oferecer condições para o enfrentamento do problema, ao contrário, age para estimular a proliferação, termina por se configurar um mal tão grande quanto a própria doença”, afirmam os moradores de favelas e periferias.

A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS), que endossa o pedido como uma das testemunhas, afirma que é simbólica e tem grande importância a iniciativa, uma vez que as condutas e omissões de Bolsonaro na pandemia tem gerado impacto profundo às populações das favelas e periferias do Brasil.

“O pedido de impeachment de Bolsonaro que vem das favelas, vilas e comunidades é um grito por justiça e direitos do povo brasileiro que está está sendo mais atingido pelo governo genocida. O povo diz basta e o Congresso Nacional deve ouvir!”, frisou Maria do Rosário (foto).

Foto: Reprodução

Vulnerabilidade social

No documento de apresentação do pedido, eles lembram que o Brasil conta com aproximadamente 13 milhões de pessoas vivendo em favelas que possuem renda muito baixa e se encontram permanentemente em situação de vulnerabilidade social.

“Os cidadãos e cidadãs das favelas e periferias que apresentam o pedido denunciam Jair Bolsonaro por seus delitos porque acreditam que somente o seu afastamento e a responsabilização jurídico-política de todos os representantes de seu governo, que levam adiante as políticas destrutivas representadas pelo seu projeto político, são capazes de recolocar o país nos trilhos da observância e do predomínio da Constituição da República”, destacam os autores do pedido.

PT na Câmara

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nilto Tatto apresenta projeto que amplia exigências para venda de ouro

O deputado federal Nilto Tatto (PT-SP) protocolou nessa terça-feira (20), o projeto de lei…