Home Portal Notícias Coronavirus Parlamentares petistas da Bahia, Ceará, Piauí e RN comemoram acordo que viabilizou 37 milhões de doses da vacina Sputnik V

Parlamentares petistas da Bahia, Ceará, Piauí e RN comemoram acordo que viabilizou 37 milhões de doses da vacina Sputnik V

16 min read
0

Parlamentares petistas dos estados da Bahia, Ceará e Piauí (todos governados pelo PT) afirmaram nesta quinta-feira (18) que o contrato recentemente assinado entre o Consórcio do Nordeste e o Fundo Soberano Russo, destinado à aquisição de 37 milhões de doses da vacina Sputnik V, é um alívio diante da escassez de vacina contra a Covid-19 no Brasil. Os parlamentares também criticaram a incompetência do governo Bolsonaro em garantir a compra de mais imunizantes e cobraram do Ministério da Saúde a inclusão das doses da Sputnik V, do Instituto Gamaleya, ao Programa Nacional de Imunização (PNI). Pelo contrato, as doses começam a chegar no Brasil em abril.

O deputado e médico Jorge Solla (PT-BA) lembrou que a compra feita pelo Consórcio do Nordeste é uma resposta à negativa do governo Bolsonaro em adquirir vacinas. Ele lembrou, por exemplo, que no ano passado o governo Bolsonaro se recusou a comprar 70 milhões de doses da vacina Pfizer, e que a pedido do então presidente norte-americano Donald Trump também não se interessou em adquirir a vacina russa Sputnik V.

“Graças ao presidente Lula e aos governadores do Nordeste, liderados pelo governador Rui Costa (PT-BA), os representantes do fundo russo não desistiram de vender a vacina ao Brasil. Garantimos a compra com um preço mais barato inclusive. Não chegou em nosso país em janeiro, como chegou na Argentina por exemplo, porque o governo Bolsonaro criou dificuldades e evitou, a todo custo, que estados pudessem comprar vacinas”, afirmou.

O parlamentar baiano lembrou ainda que os governadores que fazem parte do Consórcio do Nordeste também pediram ao Ministério da Saúde a incorporação das doses da Sputnik V ao Programa Nacional de Imunização (PNI).

Deputado Jorge Solla. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O líder da Minoria na Câmara, deputado José Guimarães (PT-CE), ressaltou que a ação dos governadores do Nordeste é de grande importância diante da escassez de vacinas. Ele fez questão de ressaltar as milhões de doses que foram adquiridas pelo governo do Ceará, comandado pelo petista Camilo Santana.

“Essa ação dos governadores, por meio do Consórcio do Nordeste, tem importância vital para salvar vidas e viabilizar as vacinas para milhões de brasileiros, especialmente para os cearenses que vão receber 5,87 milhões de doses. Essa ação fundamental de compromisso com a vida só pode merecer do parlamento, e do nosso mandato, apoio integral. Os governadores estão de parabéns por essa ação, frente à omissão do governo Bolsonaro”, disse.

Deputado José Guimarães, líder da Minoria na Câmara. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Piauí

Nesta quarta-feira (18), o governador do Piauí, Wellington Dias, comemorou em suas redes sociais a assinatura do contrato individual entre seu estado e o Fundo Soberano Russo para a aquisição da vacina. O fato foi também celebrado pela deputada Rejane Dias (PT-PI) e pelo deputado Merlong Solano (PT-PI).

“É uma conquista muito importante para o povo do Nordeste. A vacina contra a Covid-19 é a principal esperança do povo. E o governador do Piauí, Welington Dias, assumiu esse compromisso à frente do Consórcio Nordeste: trazer mais vacinas para salvar o nosso povo. Sem dúvida é um momento histórico”, disse Rejane Dias.

Por sua vez, Merlong Solano declarou que recebeu com alegria a assinatura definitiva do contrato. Ele apontou que essa ação é de suma importância porque se contrapõe à omissão e ao boicote do governo federal, e do próprio presidente da República, em relação a medidas sanitárias como distanciamento social e uso de máscara e também de aquisição de vacinas.

“O governo do Piauí, por meio do governador Wellington Dias, é protagonista nesse processo de compra da vacina russa, uma vez que coordena os esforços do Consórcio para a obtenção da vacina para o Nordeste e o Brasil. A vacinação é a única saída para termos uma mínimo de perspectiva de retomada da normalidade social e econômica em nosso País, como deseja o povo brasileiro”, ressaltou.

Bahia

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) também celebrou em suas redes sociais, na última segunda-feira (15), a assinatura do contrato do Consórcio do Nordeste com o Fundo Soberano Russo para a aquisição da Sputnik V. Os deputados Joseildo Ramos (PT-BA) e Valmir Assunção (PT-BA) elogiaram o esforço do governador baiano em assegurar vacina para a população do estado.

“Atitude correta, adequada e tempestiva do Consórcio de governadores do Nordeste. Aproveito para saudar nosso governador Rui Costa, o primeiro gestor desse consórcio e um de seus idealizadores. Essa ação teve um profundo acerto para adiantar a vacinação do nosso povo. Nós, brasileiros, nos acostumamos a nos vacinar, e bem, porque temos estrutura, experiência, expertise, pessoal qualificado, além de ciência e institutos de pesquisa extraordinários. Infelizmente não temos é liderança central, nem no Ministério da Saúde e nem na Presidência da República”, observou Joseildo Ramos.

Já o deputado Valmir Assunção disse que “diante da total inoperância do governo federal, as iniciativas dos governadores do Nordeste são um respiro”. “Sabemos que somente com a vacinação em massa vidas poderão ser salvas. A atual tragédia brasileira, patrocinada por Bolsonaro, exige posturas firmes, em que a vida das pessoas seja colocada em primeiro lugar. E parcerias como essa são fundamentais, inclusive para a Bahia, cujo esforço do nosso governador Rui Costa é louvável”, ressaltou.

O deputado Afonso Florence (PT-BA) afirmou que mais uma vez, na ausência do governo Bolsonaro na tomada das providências necessárias daquilo que é mais importante para a população neste momento, que é a vacinação, “o Consórcio do Nordeste, os governadores do Nordeste, no caso da Bahia, o govenador Rui Costa, saem na frente”.

Deputado Afonso Florence. Foto: Lula Marques

Já o deputado Zé Neto (PT-BA) diz que “depois de seis meses de muita luta, nosso governador Rui Costa, junto com os demais governadores que compõem o Consórcio do Nordeste, deram mais esse passo para a compra da vacina Sputnik V. Essa vacina é por demais importante, primeiro para a vida das pessoas, e politicamente também, porque forçou o governo federal a tomar uma atitude, porque eles estavam protelando a formulação da compra e produção de vacinas no País”.

Deputado Zé Neto. Foto: Gustavo Bezerra/Arquivo

Ceará

Ao também comemorar a aquisição pelo governo do estado do Ceará, comandado por Camilo Santana, de 5,87 milhões de doses da Sputnik V, o deputado José Airton Cirilo (PT) disse que a ação é uma importante iniciativa “diante do negacionismo e da omissão do governo Bolsonaro no combate ao coronavírus”.

“Essa aquisição da Sputnik V reacende a esperança em meio ao caos. A vacina, hoje, é a maneira mais eficaz de controlar a doença. Com a população vacinada, poderemos tentar um ‘novo normal’, reabrindo o comércio para movimentar a economia, gerando emprego e renda para o povo brasileiro”, explicou o petista.

Rio Grande do Norte

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), também destacou em suas redes sociais a importância da aquisição das vacinas Sputnik V, para o Nordeste e o Brasil.

Para serem aplicadas, as vacinas precisam antes ter autorização da Anvisa. Para isso, o laboratório responsável pela fabricação da vacina no Brasil, a União Química, deve entrar com pedido de uso emergencial junto ao órgão.

Para a deputada Natália Bonavides (PT-RN) a “ação do Consórcio Nordeste, sem dúvidas, é uma medida que demonstra a responsabilidade que nossos governadores têm com a vacinação e com a vida do povo brasileiro. Apesar dessas doses terem sido compradas pelos estados do nordeste, beneficiará toda a população e será distribuída igual e proporcionalmente em todo o País, pois a compra foi incluída no PNI”.

Deputada Natália Bonavides. Foto: Divulgação

Conforme Natáli, nesse momento de crise sanitária que o País está passando, de genocídio perpetrado pelo presidente Bolsonaro, essa ação dos governos estaduais é símbolo de resistência, respeito à ciência e, mais do que isso, de um outro projeto de sociedade. “As doses que virão para o RN terão fundamental importância na ampliação da vacinação da população e a governadora Fátima Bezerra, juntamente com nosso mandato, está empenhada em salvar vidas”, destaca Bonavides.

Héber Carvalho

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

STF questiona Lira sobre impeachment e Bolsonaro fica nervoso

“Só Deus me tira”, reagiu, fora do sério, Bolsonaro, cada vez mais cobrado pela sociedade …