Home Portal Notícias Coronavirus Parlamentares do PT defendem fim do recesso e a retomada imediata dos trabalhos do Congresso

Parlamentares do PT defendem fim do recesso e a retomada imediata dos trabalhos do Congresso

7 min read
0

Deputados e deputadas da Bancada do PT na Câmara dos Deputados defenderam em postagens no Twitter, a suspensão imediata do recesso parlamentar e a convocação extraordinária do Congresso Nacional (Câmara e Senado) para debater o caos na saúde no Amazonas, principalmente em Manaus, e votar propostas para amenizar a situação da pandemia da Covid-19 que se agrava em todo o País.

Os petistas querem a discussão de medidas para garantir a normalização do fornecimento de oxigênio e insumos para os hospitais do Amazonas. Eles ainda defendem a votação de propostas para acelerar a disponibilização de vacinas ao povo brasileiro, além da responsabilização de Bolsonaro e do ministro da Saúde – general Eduardo Pazuello – pelo caos sanitário na cidade de Manaus e o recrudescimento da pandemia no País, por meio da instauração de um processo de impeachment.

Leia abaixo as mensagens dos parlamentares petistas:

Deputada Gleisi Hoffmann (PR), presidenta nacional do PT – “Bora fazer auto convocação presidente Rodrigo Maia, todos pressionando Davi Alcolumbre. Temos de suspender o recesso. Socorrer o Amazonas, garantir vacinação e aprovar renda emergencial. Intervenção com Bolsonaro e Pazuello é pesadelo! Temos de obrigar a garantia dos recursos”.

Deputado Carlos Zarattini (SP), Líder da Minoria no Congresso – “O Congresso tem que ser convocado pra que alguma providência seja tomada. Bolsonaro e Pazzuelo vivem no mundo da cloroquina!”.

Deputado Helder Salomão (ES), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara – “É urgente que o Congresso Nacional retome suas atividades. O país enfrenta uma grave crise sanitária e, diante da omissão e da incompetência do governo federal, precisamos nos unir e trabalhar muito em favor dos brasileiros”.

Deputado Rogério Correia (MG) – “Toda solidariedade ao nosso povo do Amazonas e pela convocação imediata do Congresso para garantir socorro ao nosso povo, vacinação e debater o impeachment”.

Deputado Paulo Pimenta (RS) – “Congresso precisa imediatamente ser convocado. Gravidade do momento exige ação e responsabilidade. Inação do governo é criminosa. Além da falta de definição sobre vacinação e seringas, situação de Manaus impõe medidas para que Brasil volte a ter governo. Fora milicianos genocidas”.

Deputado Bohn Gass (RS) – “Vamos trabalhar! Defendo a volta imediata de deputados e senadores. Crises da Covid e da fome não têm recesso! Temos de votar auxílio emergencial e exigir vacina p/ todo mundo, já! Destruir a mentira do governo de que não há recursos. Há, sim! Se Bolsonaro não faz, façamos nós!”.

Deputado Rubens Otoni (GO) – “É necessário que o Congresso Nacional tome iniciativas, pois o Executivo não governa. O Brasil precisa de um plano efetivo de vacinação, necessita do Auxílio Emergencial e muito mais. A reabertura do Congresso precisa acontecer urgente”.

Deputado Paulo Teixeira (SP) – “Defendo que os presidentes Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre convoquem sessões da Câmara e do Senado para tratar de Manaus, da vacina, da renovação do auxílio emergencial, da renovação dos benefícios da MP 939 para o comércio e da necessária renovação do estado de calamidade”.

Deputado Zeca Dirceu (PR) – “Nós estamos solicitando ao presidente do Congresso, Davi Alcolumbre que suspenda o recesso parlamentar, nesse momento de caos. Nós temos leis para votar, inclusive uma que trata da vacina e também criar ações para obrigar Bolsonaro a fazer seu dever no enfretamento à pandemia”.

Deputado José Ricardo (AM) – “Estou enviando ao presidente do Congresso,
@davialcolumbre, um ofício para solicitando a convocação extraordinária do Congresso Nacional para deliberar sobre a situação da saúde público do Brasil. Não podemos mais admitir o recesso de 15 dias nesse momento no Amazonas.”

Héber Carvalho

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nota da defesa sobre anulação dos processos de Moro contra Lula

Nota de Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Martins sobre a decisão do Ministro Eds…