Home Portal Notícias Coronavirus Covid-19: João Daniel cobra explicações do ministro da Saúde sobre Programa Nacional de Imunização

Covid-19: João Daniel cobra explicações do ministro da Saúde sobre Programa Nacional de Imunização

6 min read
0

O deputado federal João Daniel (PT-SE) apresentou na quarta-feira (6), requerimento de informação nº 3/2021, no qual solicita informações ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre o Programa Nacional de Imunização contra Coronavírus. Já são mais de 200 mil mortes ocorridas no País em decorrência da Covid-19, uma perda de vidas humanas sem precedentes no Brasil, que soma ainda mais de 7,8 milhões de pessoas contaminadas, causando problemas familiares e transtornos psíquicos e emocionais, sem contar os prejuízos econômicos.

Diversos países no mundo já iniciaram a vacinação de sua população. No entanto, ressalta o parlamentar, com o desenvolvimento de diferentes vacinas que estão sendo utilizadas por múltiplos países, inclusive na América Latina, o Brasil não pode deixar sua população sem o acesso aos imunizantes, com discursos vagos dos governantes sobre as providências que vêm sendo adotadas. “Esperamos uma decisão do governo, tão importante para frear o número de mortes, bem como, que seja possível o País voltar à normalidade. Porém, o que se vê é o governo minimizar os efeitos da doença e a efetividade das vacinas”, declarou.

Qual a data?

Diante disso, o deputado João Daniel solicita, através do requerimento, que o ministro Pazuello informe qual a data prevista para início da vacinação da população brasileira; qual a quantidade de vacinas que serão adquiridas pelo Ministério da Saúde; quais os fornecedores foram contratados e as quantidades de vacinas adquiridas a cada um dos fornecedores; qual a quantidade de seringas e agulhas adquiridas, qual o cronograma de aquisição para este ano, a ser feita pelo Ministério da Saúde; como será feita a estratégia de imunização com os estados e municípios, e como o governo federal está fazendo esta articulação; qual a estrutura de rede frio disponível; qual número exato de pessoas que serão imunizadas; qual o cronograma de efetivação da imunização e a sua priorização; qual rede de logística para fazer o transporte do laboratório até os locais de aplicação; qual valor do investimento para garantir a vacinação de toda a população brasileira; e se o Ministério preparou uma cadeia dos insumos para que não ocorra desabastecimento.

“É fundamental termos essas informações. Temos visto diversos países vacinando sua população, como a Inglaterra, Estados Unidos, países vizinhos como a Argentina, e não podemos aguardar de braços cruzados diante da inércia e desinteresse que temos visto por parte do governo federal, principalmente do presidente, em disponibilizar a vacina para a população brasileira”, afirmou João Daniel.

O deputado ressaltou ainda que essa vacinação precisa ser ofertada gratuitamente através do Sistema Único de Saúde (SUS), para que não apenas aquelas pessoas que têm condições de pagar possam ter acesso a ela. “A estratégia de vacinação precisa ser para todos, independente de classe social e condição econômica. Vacinação é uma estratégia de saúde coletiva e não pode ser para poucos privilegiados”, completou.

Assessoria de Comunicação

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Alencar Santana e Enio Verri entram com Representação na PGR contra Pazuello

Nesta terça-feira (19), o deputado Alencar Santana (PT-SP) entrou com Representação por cr…