Home Portal Notícias Coronavirus Padilha: OMS perdeu a paciência com o negacionismo e a irresponsabilidade do governo Bolsonaro

Padilha: OMS perdeu a paciência com o negacionismo e a irresponsabilidade do governo Bolsonaro

2 min read
0

O deputado federal e ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha (PT-SP) afirmou nesta segunda-feira (30) que a Organização Mundial da Saúde (OMS) perdeu a paciência com o negacionismo e a irresponsabilidade do governo Bolsonaro em relação a pandemia da Covid-19 no Brasil. A afirmação do parlamentar está baseada na declaração do diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, de que o Brasil precisa “levar a sério” o crescimento dos casos de contaminados e de mortos pelo novo coronavírus no País.

“O Brasil precisa levar a situação a sério”, disse ele em um recado direto ao governo Jair Bolsonaro, de acordo com reportagem da coluna do jornalista Jamil Chade, no UOL.  Segundo Tedros Adhanom, em menos de um mês os números de casos e óbitos relacionados à pandemia dobraram no Brasil, o que torna a situação “muito preocupante”.

“A OMS perdeu a paciência com o negacionismo e a irresponsabilidade de Bolsonaro. Além de seguir ignorando o avanço da Covid no País, Bolsonaro ainda tira 22% do orçamento da Saúde neste momento de pandemia”, reforçou Padilha.

Foto: Maryanna Oliveira, Agência Câmara

A reportagem do UOL lembrou ainda que o diretor de operações da OMS, Mike Ryan, disse recentemente que países como o Brasil deveriam “agir rapidamente” para conter o avanço da crise sanitária.

 

Héber Carvalho com Brasil 247

 

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

 Rogério Correia propõe apresentação obrigatória da carteira de vacinação para concorrer à eleição

O deputado federal Rogério Correia (PT-MG) apresentou o projeto de lei (PL 5651/2020) que …