Home Portal Notícias Coronavirus PT propõe convocação de ministro da Saúde para explicar veto de Bolsonaro a vacina contra Covid-19

PT propõe convocação de ministro da Saúde para explicar veto de Bolsonaro a vacina contra Covid-19

5 min read
0

O deputado federal Rogério Correia (PT-MG) protocolou hoje (21), com o apoio de toda a Bancada do PT na Câmara, requerimento em que solicita a convocação do ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, para que explique a interferência do presidente Jair Bolsonaro na Pasta a fim de impedir a compra da vacina chinesa Coronavac, ainda em testes, para imunizar a população contra a Covid-19. O objetivo é levar o ministro à Comissão Externa da Câmara destinada a acompanhar as ações preventivas ao coronavírus.

Por motivações ideológicas, Bolsonaro desautorizou Pazuello na terça-feira (20) a efetuar a compra da Coronavac, vacina da farmacêutica chinesa Sinovac, que será produzida no Brasil pelo Instituto Butantan. O ministro havia informado em reunião com vários governadores e outras autoridades que o Brasil iria adquirir 46 milhões de doses para disponibilizar à população, assim que a Anvisa autorizasse a vacina.

Desprezo à saúde pública

“Ocorre que mais uma vez o presidente Bolsonaro interfere em assuntos técnicos das áreas fins e desautoriza o ministro da Saúde por motivações ideológicas e diz que o Brasil não vai adquirir a coronavac pela sua origem chinesa”, afirma o requerimento da Bancada do PT. “Ao agir desta maneira, além de adentrar em decisões que deveriam ser meramente técnicas, o presidente ameaça a proteção da saúde de nossa população”.

Desde que o vírus foi detectado, no final de 2019, vários estudos em todo o mundo estiveram focados na descoberta de uma vacina que possa imunizar a população mundial contra o vírus. Em alguns casos a vacina já se encontra na terceira e última fase de testes para serem liberadas para aplicação em humanos, a exemplo da Coronavac.

Politicagem internacional de Bolsonaro

“O povo não pode ter negado seu direito à saúde por conta das esdrúxulas politicagens internacionais do presidente”, diz Rogério Correia. O parlamentar mineiro já requereu na Câmara a abertura da CPI da Cloroquina para investigar a superprodução do medicamento a mando do próprio governo, e o uso indiscriminado na população do medicamento- sem nenhuma eficácia no combate à Covid e com sérios efeitos colaterais.

Rogério Correia também denunciou Bolsonaro à Procuradoria-Geral da República (PGR) por iludir o povo com a cloroquina, e na terça-feira anexou à denúncia a propaganda indiscriminada do vermífugo Annita feita pelo presidente, que se especializou em praticar charlatanismo.

Presidente charlatão

“É muito importante que os deputados assinem o requerimento para abertura da CPI da Cloroquina, pois isso poderá frear os atos de charlatanismo de Bolsonaro, que age como garoto propaganda de medicamentos que não têm nenhuma comprovação científica, colocando em risco a vida das pessoas”, comenta o parlamentar. “Enquanto isso, por mero capricho e para agradar Donald Trump, Bolsonaro impede que o povo tenha acesso às vacinas validadas pelos especialistas”, complementa.

Leia a íntegra do requerimento:

comissão covid – CD207807634400

Redação PT na Câmara

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Petistas questionam no Ministério Público transferência do acervo da Fundação Palmares para prédio com avarias

Parlamentares da Bancada do PT na Câmara entraram com ações na Procuradoria-Geral da Repúb…