Home Portal Notícias Coronavirus Frei Anastácio se posiciona contra redução do auxílio emergencial para R$ 300

Frei Anastácio se posiciona contra redução do auxílio emergencial para R$ 300

3 min read
0

O deputado federal Frei Anastácio (PT-PB) afirmou que toda bancada do PT na Câmara Federal é contra a redução do auxílio emergencial de R$ 600 para R$ 300, anunciada por Bolsonaro nessa semana. “Se Bolsonaro e Paulo Guedes tivessem a sensibilidade de se colocar no lugar de uma família sem renda, com certeza eles não reduziriam o valor do auxílio”, disse o deputado.

O parlamentar lembrou que a Bancada do PT sempre defendeu a prorrogação dos R$ 600 até dezembro. “Esse auxílio, que foi uma proposta do PT e dos partidos de oposição na Câmara, beneficiou mais de 65 milhões de pessoas, impedindo que elas caíssem na extrema pobreza. É bom relembrar que Bolsonaro queria conceder apenas R$ 200. Foi o Congresso que aprovou esse valor de R$ 600”, lembrou.

Governo retira comida do prato do povo

Frei Anastácio comentou ainda que reduzir o benefício pela metade, em plena crise econômica, é retirar comida do prato do povo que precisa desse dinheiro.

“Só o lucro de R$ 400 bilhões que o Banco Central teve com as reservas cambiais deixadas pelos governos do PT, daria para pagar esse benefício e ainda sobraria dinheiro. É bom lembrar, que o PT além de pagar a dívida do País com o FMI, ainda deixou 370 bilhões de dólares, em reservas internacionais”, comentou.

O parlamentar disse ainda que o governo não manteve os R$ 600 porque não quis. “Quando a matéria chegar à Câmara, nossa bancada votará pela manutenção dos R$ 600 até dezembro, como sempre defendemos”, finalizou.

Assessoria de Comunicação

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

TCU determina que Ministério da Saúde apresente plano estratégico de combate à pandemia

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou nessa quarta-feira (21), que o Ministério d…