Home Portal Notícias Manchetes Bohn Gass denuncia: “governo paralisou o crédito fundiário”

Bohn Gass denuncia: “governo paralisou o crédito fundiário”

4 min read
0

“O Crédito Fundiário não está funcionando no governo Bolsonaro. Isso impede a permanência no campo, compromete a continuidade da agricultura familiar e pode levar a um colapso na produção de alimentos do País”. Quem diz é o deputado federal Elvino Bohn Gass (PT-RS). Ele vem conversando com muitos agricultores, sindicatos e federações de trabalhadores rurais de todo o País e constata que o crédito fundiário está praticamente paralisado no Brasil.

“Bancos alegam que não há dinheiro ou apresentam dificuldades burocráticas intransponíveis aos agricultores. Para quem tem dívida, seja por conta da pandemia ou, no caso dos gaúchos, da estiagem, a resposta é simplesmente negativa. E o governo está ignorando essas dificuldades. Sem terra e sem crédito não há agricultura, especialmente a familiar. E, sem ela, vai faltar comida para todo mundo”, analisa Bohn Gass.

O deputado encaminhou um detalhado pedido de informações ao Ministério da Agricultura. No documento, Bohn Gass quer saber:
– quantos contratos de Crédito Fundiário foram executados neste governo?
– qual o valor destinado para o programa em 2020?
– o que prevê o novo Plano Safra para o Crédito Fundiário?
– há pendências na execução do programa? Quais?
– que medidas foram tomadas para atender agricultores prejudicados pela pandemia?
– no Rio Grande do Sul, onde 407 municípios decretaram emergência por causa da estiagem, houve alguma medida do governo para garantir que os agricultores possam continuar tendo acesso ao programa?

“Esse crédito é um antídoto ao êxodo rural. Vejamos, por exemplo, o caso de uma família de agricultores cujo pai morre e a área, já pequena, tenha de ser dividida entre quatro ou cinco filhos. Só o que ficar com a terra vai poder produzir? E os demais? Terão de ir embora para a cidade engrossar cinturões de miséria?” O deputado explica que foi pensando em situações como esta e, especialmente como forma de garantir que a juventude do campo possa comprar um imóvel rural, que o Crédito Rural nasceu. “É um mecanismo que tem que funcionar. Do contrário, estaremos acabando com a agricultura familiar”, sentencia.

Assessoria de Comunicação

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

PT reforça movimento ‘Fora Bolsonaro’, em dia de protesto

O PT vai mobilizar todos os militantes e dirigentes da legenda e convoca a sociedade ao pr…