Home Portal Notícias Helder Salomão reage ao ataque do governo Bolsonaro contra as cotas raciais e sociais na pós-graduação

Helder Salomão reage ao ataque do governo Bolsonaro contra as cotas raciais e sociais na pós-graduação

2 min read
0

Em reação ao ataque do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub e do governo Bolsonaro ao direito de negros, indígenas e pessoas com deficiência de acessarem a pós-graduação gratuitamente, o deputado federal Helder Salomão (PT-ES) apresentou o projeto de decreto legislativo (PDL nº 279/20), para sustar a aplicação da Portaria nº 545.

A Portaria 545 foi publicada no último dia 16 de junho, revogando a Portaria Normativa nº 13, de 11 de maio de 2016, que regulamentou a promoção de ações afirmativas em âmbito de pós-graduação, em complementariedade às cotas raciais e sociais existentes em nível de graduação.

O então ministro da Educação, rechaçado por todos os movimentos que lutam em favor da educação pública de qualidade, utilizou o ministério para perseguir e comprometer o ensino público no Brasil, tendo realizado inúmeras ações danosas ao ensino público brasileiro.

De acordo com o deputado Helder, que preside a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, “não podemos aceitar um novo ataque deste que é sem dúvida o pior e mais pernicioso ministro da Educação que já ocupou esse posto. Ele não foi apenas ineficiente, como também demonstrou, através de seus atos, a intenção de atacar a educação pública”.

 

Assessoria de Comunicação

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Leo de Brito cobra explicações de Ricardo Salles e Mourão sobre aumento do desmatamento na Amazônia

O deputado federal Leo de Brito (PT-AC) protocolou nesta terça-feira (1º) requerimento de …