Home Portal Notícias Manchetes Aliados de Bolsonaro são alvo de busca e apreensão em inquérito de atos fascistas

Aliados de Bolsonaro são alvo de busca e apreensão em inquérito de atos fascistas

3 min read
0

Aliados do presidente Jair Bolsonaro foram alvos de busca e apreensão, na manhã desta terça-feira (16), pela Polícia Federal. Eles são investigados no inquérito sobre o financiamento das manifestações fascistas e pró-ditadura militar, que ocorrem há semanas.

Ao todo 21 mandados de busca e apreensão foram solicitados pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e determinados pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

Entre aliados de Bolsonaro alvos da operação está o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), que teve sua residência e gabinete vasculhados. Os policiais também fazem ações nos endereços do blogueiro Allan dos Santos, do site Terça Livre, e do advogado Luís Felipe Belmonte, aliado do presidente Jair Bolsonaro.

Nesta última segunda-feira (15), no mesmo inquérito sobre protestos antidemocráticos, a ativista Sara Winter, do grupo armado de extrema direita 300 do Brasil, foi presa após operação da Polícia Federal.

Atos antidemocráticos

O inquérito para investigar os atos fascistas e pró-ditadura no país foi autorizado por Alexandre de Moraes, após as manifestações realizadas em 19 de abril. O pedido de investigação foi feito pelo procurador-geral da República, Augusto Aras.

O objetivo da PGR é apurar possível violação da Lei de Segurança Nacional por “atos contra o regime da democracia brasileira”. Além disso, a Constituição Federal proíbe o financiamento e a propagação de ideias contrárias ao Estado democrático de Direito.

Sara Winter foi presa após Moraes atender a um pedido do Ministério Público Federal, a partir de indícios de que seu grupo está organizando e captando recursos financeiros para ações que se enquadram na Lei de Segurança Nacional.

 

Por Rede Brasil Atual

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Valmir Assunção: Em vez de demonizar o servidor público, é hora de questionar a lógica da meritocracia, dos cargos vitalícios e familiares

Hoje, comemoramos o dia do Servidor Público. Essa data foi escolhida em comemoração à cria…