Home Portal Notícias Petistas criticam Mourão por ignorar incompetência do governo Bolsonaro e atacar as instituições e a democracia

Petistas criticam Mourão por ignorar incompetência do governo Bolsonaro e atacar as instituições e a democracia

4 min read
0

Parlamentares da Bancada do PT na Câmara criticaram hoje (14) duramente o general vice-presidente Hamilton Mourão por um artigo em que passa a mão na cabeça do capitão-presidente Jair Bolsonaro e acusa imprensa, Judiciário, Legislativo, governadores e prefeitos por provocarem o que chamou de “estrago institucional” que, na visão dele, “está levando o país ao caos”.

Pelo Twitter, o deputado Paulo Pimenta (PT-RS) escreveu que  ‘Mourão ameaça a democracia para defender governo genocida mergulhado na corrupção’. Para Pimenta, a manifestação de Mourão “é um claro ataque às instituições e à democracia” e, assim como o presidente da República,  “ele responsabiliza o Judiciário, o Congresso, a imprensa, os líderes políticos da oposição e os prefeitos e governadores, pelo fato de Jair Bolsonaro não conseguir governar”.

Escalada autoritária

O parlamentar ainda disse que “diante da incompetência de um governo genocida, mergulhado na corrupção”, Mourão “ameaça a democracia e tenta intimidar os poderes, a imprensa, a oposição e os governadores”. Por isso, o deputado reforçou que “mais do que nunca” é preciso defender a democracia e a Constituição Federal e que “devem se unir todos aqueles que desprezam as ditaduras e não estão dispostos a assistir calados a escalada autoritária anunciada pelo general”.

Pela mesma rede social, o deputado Alencar Braga (PT-SP) lembrou que o artigo intitulado “Limites e responsabilidades”, publicado no jornal O Estado de S. Paulo,  aponta duas coisas que  “Bolsonaro, os militares e seus aliados não possuem. Mourão defende poder absoluto ao governo na cara dura”, denunciou. E avisou: “Mourão, ouça bem: vocês articulam o autogolpe e são os culpados pelo desastre que se anuncia”.

Terraplanistas

A deputada Erika Kokay (PT-DF) escreveu que o artigo do general “segue a narrativa de inimigos imaginários do governo terraplanista”, ataca a imprensa, governadores, parlamentares e juízes, mas “não diz uma vírgula sobre quem gera crise e alimenta do ódio no país: @jairbolsonaro”. A deputada denunciou que “a democracia corre perigo!”

Na opinião de Paulo Teixeira (PT-SP), o artigo do general vice-presidente, além de tentar “culpar os outros pelo caos, é um atestado de que o governo Bolsonaro não lidera o combate ao coronavírus, tampouco lidera o País.”

Redação PT na Câmara

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Oposição denuncia Weintraub ao governo dos EUA

Os seis partidos de oposição na Câmara dos Deputados (PT,PCdoB,PSOL,PSB,PDT e Rede) encami…