Home Portal Notícias Erika Kokay propõe comissão-geral para debater declarações de Sérgio Moro

Erika Kokay propõe comissão-geral para debater declarações de Sérgio Moro

2 min read
0

A deputada federal Erika Kokay (PT-DF) apresentou, nessa semana, requerimento para transformar uma sessão plenária da Câmara dos Deputados em comissão-gera,l com o objetivo de debater as declarações do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro. “O ex-ministro aponta para “crimes gravíssimos” cometidos por Bolsonaro e por ele próprio”, afirma a deputada que está reunindo as 171 assinaturas parlamentares necessárias para a realização da comissão-geral.

Em entrevista coletiva, no dia 24 de abril, Moro se demitiu e fez revelações sobre atos ilícitos que teriam sido cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O ex-ministro acusou Bolsonaro de tentar interferir na Polícia Federal (PF).

No requerimento direcionado ao presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), Erika Kokay afirma que “Moro expôs crimes de Bolsonaro e, ao mesmo tempo, confessou ter cometido o crime de prevaricação”.

Depoimento

Sérgio Moro vai prestar depoimento na sede da Polícia Federal em Curitiba (PR), na tarde deste sábado (2), para prestar informações em inquérito que investiga as acusações feitas por ele contra o presidente Jair Bolsonaro.

O pedido de depoimento foi feito pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Celso de Mello, que relata o caso na Corte. A investigação foi aberta a pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras, e autorizada pelo Supremo.

O inquérito visa apurar tanto a conduta de Bolsonaro quanto se as acusações de Moro são verdadeiras.

 

PT na Câmara, com agências

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Lula: “É possível reconstruir e transformar o Brasil”

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a defender a participação no Estado na ec…