Home Portal Notícias Líder do PT aciona Justiça para anular sigilo da lista de convidados para a posse de Bolsonaro

Líder do PT aciona Justiça para anular sigilo da lista de convidados para a posse de Bolsonaro

3 min read
0

O líder do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (PT-RS), protocolou, nesta quarta-feira (15), ação popular junto à Justiça Federal em Brasília para anular o ato do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, que coloca em sigilo a lista de convidados do governo para a posse presidencial em 1º de janeiro de 2019. Na petição, o parlamentar pede que seja expedida uma decisão de caráter liminar determinando a anulação imediata da medida do Itamaraty, apontada na ação como um ato “ilegal, abusivo e imoral”.

Na peça, o petista lembra que a Constituição Federal “estabelece como direito de todos o acesso às informações de seu interesse particular, coletivo ou geral a serem prestadas por órgãos públicos”. O texto destaca ainda que “a regra é a publicidade e a transparência dos atos e ações do Poder Público, sendo o sigilo a exceção, cuja ocorrência, no estado democrático de direito, somente deve existir quando em risco a segurança da sociedade e do Estado”.

O status da lista foi mudado após uma pessoa pedir, através da Lei de Acesso à Informação (LAI), os nomes das pessoas chamadas para o evento. Pimenta criticou duramente o ato e questionou o governo. “Quem Bolsonaro está querendo esconder com isso?”, perguntou o parlamentar em vídeo publicado em suas redes sociais, ainda na terça-feira (14), quando o fato foi noticiado.

LAI

Pimenta também usou a LAI para protocolar, nesta quinta-feira (16), um requerimento de acesso à informação para ter acesso à lista de convidados da posse presidencial. No pedido, além do nome dos convidados, o deputado cobra o valor gasto no evento e questiona o motivo para a classificação da lista como um documento protegido por sigilo.

Confira a íntegra da ação popular e dos requerimentos:

Ação popular (PDF – 125Kb)

Requerimento de Acesso à Informação (PDF – 483Kb)

Rogério Tomaz Jr.

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Trincheira de resistência dos movimentos sociais, Comissão de Direitos Humanos da Câmara completa 25 anos em 2020

Para celebrar os 25 anos de criação da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, a Câmara d…