Home Portal Notícias Boletim 567 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 567 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

4 min read
0

Boletim 567 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Direto de Curitiba – 9/9/2019 – 520 dias de resistência – 20h13

 

  1. Um grupo de 150 juristas criticou duramente, nesta segunda feira (9), por meio de um manifesto, a interferência direta e a manipulação jurídica na divulgação dos áudios de uma conversa telefônica entre a então presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mantido como preso político em Curitiba, e que acabaria por consolidar o afastamento de Dilma da Presidência pelo ex-juiz Sérgio Moro, com a conivência do Ministério Público. Leia mais: https://pt.org.br/juristas-manipulacao-do-grampo-de-dilma-e-lula-e-o-mais-grave-da-vaza-jato/

 

 

  1. Um dia depois de a Vaza Jato denunciar que Sérgio Moro e a Polícia Federal esconderam a verdade sobre os áudios de Lula e Dilma ao fazerem vazamento seletivo, o MPF surge com mais uma denúncia vazia para tentar conter a onda crescente em defesa de Lula e contra os abusos da Operação. “A denúncia sai no dia seguinte de graves revelações pelo jornal Folha de S. Paulo de atuação ilegal da Lava Jato contra Lula, mostrando a ocultação de provas de inocência e ação indevida e ilegal voltada a romper a democracia no País”, afirma trecho da nota oficial emitida pela defesa do ex-presidente. Leia mais: https://pt.org.br/nota-da-defesa-de-lula-sobre-acao-descabida-e-e-sem-provas-do-mpf/

 

  1. Também em nota, o Partido dos Trabalhadores reagiu com indignação ao flagrante abuso de autoridade, a agressão ao Estado de Direito e a repetida denunciação caluniosa que “constituem crimes continuados por parte dessa organização política que há muito deveria estar respondendo à Justiça”. Leia mais: https://pt.org.br/nota-do-pt-lava-jato-quer-esconder-seus-crimes-com-mais-mentiras-contra-lula/

 

  1. Com o radicalismo da extrema-direita sempre à espreita desde que Jair Bolsonaro chegou ao poder, fica ainda mais urgente recorrer à cultura para tentar entender o atual momento político do País. Foi pensando nisso que a coordenação da Vigília Lula Livre exibiu nesta segunda-feira (9) o filme “A Onda”. A obra narra a trajetória do professor Rainer, incumbido de instruir seus estudantes de Ensino Médio sobre o Estado Autocrático. Celebrado pelos estudantes, sugere que eles próprios criem seus governos autocráticos. Seduzidos pelos ideais nazistas, os estudantes mudam o comportamento e espantam os professores.

 

Boletim 567 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Direto de Curitiba – 9/9/2019 – 520 dias de resistência – 20h13

 

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Frei Anastácio cobra informações do governo sobre a privatização de 17 empresas estatais

O deputado Frei Anastácio (PT-PB) protocolou na Câmara requerimento com pedido de informaç…