Home Portal Notícias Manchetes População do Nordeste adere ao abaixo-assinado Lula Livre durante Caravana da Resistência

População do Nordeste adere ao abaixo-assinado Lula Livre durante Caravana da Resistência

4 min read
0

Em todos os municípios por onde passou a Caravana da Resistência pelo Nordeste a campanha pelo abaixo-assinado Lula Livre, que pede a anulação do julgamento que condenou injustamente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a prisão, ganhou o apoio entusiasmado da população. Desde o início da caravana, na última quarta-feira (31), foram coletadas assinaturas em todas as atividades realizadas nos três dias da caravana, que termina nesta sexta-feira (2). A caravana passou pelos estados da Bahia, Sergipe e Pernambuco.

A caravana foi organizada pela liderança do PT na Câmara e movimentos sociais, e contou com a participação do líder da bancada, deputado Paulo Pimenta (RS), e dos deputados Carlos Veras (PE), João Daniel (SE) e Valmir Assunção (BA).

“O povo do Nordeste reconhece que houve uma melhora na qualidade de vida na região por conta das ações, programas e investimentos realizados durante o governo Lula. Por isso o abaixo-assinado Lula Livre, pela libertação do ex-presidente, foi tão bem recebido”, explicou Paulo Pimenta.

O abaixo-assinado foi lançado no dia 25 de junho pelo Comitê Lula Livre e tem como base para o pedido de anulação dos julgamentos as publicações feitas pelo site The Intercept Brasil, que expuseram conversas imorais e ilegais entre o então juiz Sérgio Moro e o procurador chefe da força-tarefa de Curitiba, Deltan Dallagnol, além de conversas entre os procuradores e policiais integrantes da força-tarefa que deixam clara a perseguição contra Luiz Inácio Lula da Silva.

Através de diálogos estabelecidos em aplicativo de mensagens e em reuniões presenciais o juiz rompeu a “determinação de imparcialidade e impessoalidade, fixadas pela Constituição Federal de 1988, pelo Código de Processo Penal e pelo Código de Ética da Magistratura. Sua suspeição é irrefutável, e tem como consequência a nulidade absoluta do processo, na forma prevista no inciso IV, do artigo 254, c/c inciso I, do artigo 564, ambos do Código de Processo Penal”.

O abaixo-assinado já conta com assinaturas de milhares de brasileiros e também de lideranças mundiais como do ex-presidente uruguaio Pepe Mujica e de Martin Schulz, líder da social-democracia alemã.

 

A petição por Lula Livre circula nos formatos digital e impresso e pode ser acessado no link abaixo:

https://lulalivre.org.br/abaixo-assinado/anulacaojulgamento/

 

PT na Câmara

Fotos: Márcio Garcez

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Maria do Rosário responde a ataques de Joice Hasselmann: “Se acha acima da lei”

A deputada Maria do Rosário (PT-RS) reagiu aos ataques feitos, nesta segunda-feira (7), pe…