Home Portal Notícias, Notas e Boletins Boletim 514 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 514 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

4 min read
0

Boletim 514 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 18/7/2019 – 468 dias de resistência – 19h30

1. O ex-presidente da Argentina Eduardo Duhalde e o escritor Emir Sader encontraram-se com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta quinta-feira (18). “Tenho por Lula um especial carinho. Ele é meu único amigo fora da Argentina e passou o seu governo todo lutando pela integração latino-americana. Estou muito feliz em me encontrar com ele”, disse Duhalde. “Vocês podem imaginar como é emocionante encontrar Lula. Mas agora é emocionante e absurdo, porque quem deveria governar este país está aqui preso injustamente”, completou o argentino. Ambos também firmaram o abaixo-assinado que pede a anulação imediata dos processos que condenaram Lula. Leia mais: https://pt.org.br/duhalde-ex-presidente-da-argentina-estarei-aqui-quando-lula-foi-libertado/

2. O ex-presidente Lula escreveu uma carta ao jornalista Mauro Lopes, apresentador do programa Paz e Bem. No texto, Lula responde uma correspondência de Lopes e fala da importância da espiritualidade e do humanismo em tempos de luta. “Mauro, o verdadeiro humanista está mais preocupado em doar do que receber. O importante é deitar a cabeça no travesseiro de consciência tranquila, porque fez o bem”, escreveu Lula. Leia mais: https://pt.org.br/carta-de-lula-o-importante-e-deitar-no-travesseiro-de-cabeca-tranquila/

3. Na manhã desta quinta-feira (18), as famílias Sem Terra do acampamento Marielle Vive!, localizado em Valinhos, no interior de São Paulo, foram surpreendidas por um assassino que, com sua caminhonete em alta velocidade, atropelou dezenas de manifestantes. Entres eles, Luiz Ferreira da Costa, de 73 anos, que não resistiu aos ferimentos e morreu antes de chegar à Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Os sem-terra realizavam no momento manifestação pelo fornecimento de água ao acampamento. O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) faz parte da coordenação da Vigília Lula Livre e tem sua atuação em áreas como educação e produção de alimentos orgânicos tidos como referência em várias partes do mundo. Leia mais: https://pt.org.br/motorista-atropela-manifestantes-do-mst-e-mata-um-homem-em-valinhos/

4. Estudantes de Direito de várias localidades do Brasil estiveram na Vigília Lula Livre nesta quinta (18) para refutar a atuação parcial, política e ideológica de parte do Judiciário durante o julgamento do ex-presidente Lula. Eles participaram de roda de conversa sobre o tema “Abusos do Direito: Devido Processo Penal”, com a presença de Manoel Caetano, da defesa de Lula, Michele Cabrera, professora de Direito Penal, e Roberto Baggio, da liderança do MST/PR.

Boletim 514 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 18/7/2019 – 468 dias de resistência – 19h30

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Juristas estrangeiros se dizem chocados e defendem libertação de Lula

Um grupo de 17 juristas, advogados, ex-ministros da Justiça e ex-membros de Cortes Superio…