Home Portal Notícias Outras notícias Manifestantes contra a Reforma da Previdência são barrados na Câmara; Bancada do PT apoia ato

Manifestantes contra a Reforma da Previdência são barrados na Câmara; Bancada do PT apoia ato

3 min read
0

Na tarde desta quarta-feira (10), manifestantes contra a Reforma da Previdência (PEC 06/2019), protestaram em frente à Câmara dos Deputados. Eles foram impedidos de entrar no Parlamento para acompanhar a votação do texto principal da proposta de emenda à Constituição, que praticamente inviabiliza a aposentadoria dos trabalhadores.

Os trabalhadores e estudantes se mobilizaram em frente o Anexo II da Câmara Federal. Muitos jovens que protestavam contra os cortes na educação, também pediam a liberdade de Lula e gritavam palavras de ordem contra as falas do atual ministro da educação, Abraham Weintraub. “Eu sou quizomba, não abro mão da Previdência e da educação”, entoavam os jovens.

O líder do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (RS), falou aos participantes que a Bancada do PT está 100% mobilizada para votar contra a destruição da previdência pública do Brasil. “Essa bancada não vacila, essa é uma bancada que tem lado, está do lado onde sempre esteve, do povo trabalhador e humilde desse País”. Para Pimenta, é preciso debater com a sociedade para que entendam que as coisas não aconteceram por acaso. “É um processo que atenta contra a nossa soberania, contra a democracia e contra os direitos do povo trabalhador, o nosso legado, conquistas e transformações”, denunciou Pimenta.

A deputada Gleisi Hoffmann (PR), presidenta nacional do PT, disse que nunca imaginou que o Congresso Nacional se reuniria para retirar direitos conquistados desde a Constituição de 88. “Hoje nós temos, na Câmara dos Deputados, a maioria querendo tirar os direitos previdenciários e os direitos das futuras aposentadorias do povo brasileiro”, denunciou a deputada.

Gleisi promete resistir e lutar para que os retrocessos não sejam aprovados. “Nós já tivemos lutas mais difíceis na vida. Nós já tivemos enfrentamentos mais duros, esse vai ser só mais um e podem ter certeza que esse vai aumentar a nossa musculatura de luta. Ainda que avancem, nós vamos nos mobilizar nas ruas para recuperar o direito dos trabalhadores e trabalhadoras”, destacou a parlamentar.

Lorena Vale

 

 

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Boletim 576 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 576 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia Direto de Curitiba – 19/9/2…