Home Portal Notícias Novas mensagens mostram que Moro e Dallagnol agiam em conluio com Fux, do STF

Novas mensagens mostram que Moro e Dallagnol agiam em conluio com Fux, do STF

2 min read
0

O portal The Intercept Brasil, que revelou no último domingo (9) o conluio entre o ex-juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol, da força-tarefa da Lava Jato, divulgou nesta quarta-feira (12) trocas de mensagens que demonstram que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux também fazia parte do esquema e atuava em sintonia com os dois. O vazamento foi feito pelo editor executivo do portal, Leandro Demori, em conversa com o articulista Reinaldo Azevedo, da Bandeirantes.

As conversas vazadas mostram que Dallagnol assumiu ao menos uma vez o papel de interlocutor entre Moro e Fux. Em uma das mensagens ao grupo de procuradores da Lava Jato, ele teria escrito: “Caros, conversei com Fux mais uma vez hoje. Reservado, claro. Ele disse que Teori [Zavascki] fez queda de braço com Moro e se queimou. Fux disse para contarmos com ele para o que precisarmos mais uma vez. Só faltou, como bom carioca, me chamar para ir à casa dele”.

Dallagnol copiou a mesma mensagem, segundo o The Intercept, e encaminhou para Moro, que teria respondido: “Excelente, in Fux we trust [que, em português, significa: ‘No Fux nós confiamos'”.

Fux é ministro do STF desde 2011 e foi o responsável pela liminar que impediu o ex-presidente Lula (PT) de dar entrevistas. Ele também negou habeas corpus ao petista quando a defesa recorreu ao Supremo.

Esta semana, Moro e Dallagnol minimizaram a relevância dos vazamentos de domingo e questionaram a forma como as conversas foram obtidas. Fux ainda não se pronunciou sobre o caso.

 

Por Brasil de Fato

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Solla cobra da Anvisa retorno de fiscalização em aeroportos

Membro da comissão externa da Câmara de Deputados formada para acompanhar a crise do coron…