Home Portal Notícias Manchetes Pesquisa revela que governo Bolsonaro amarga reprovação entre seus eleitores

Pesquisa revela que governo Bolsonaro amarga reprovação entre seus eleitores

4 min read
0

Pesquisa da XP Ipespe realizada no período de 6 a 8 de maio revela, pelo terceiro mês consecutivo, que o governo de Jair Bolsonaro amarga reprovação de 31% da população brasileira que classificam sua gestão como ruim ou péssima. Os que consideram o governo ótimo ou bom se mantêm na casa de 35%. Já o percentual daqueles que avaliam a administração Bolsonaro como regular atinge a marca de 31%.

“O Brasil nunca viu um governo se mostrar tão ruim em tão pouco tempo”, avaliou o líder da Bancada do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (RS), em sua conta no Twitter.

Segundo o instituto, foram feitas 1.000 entrevistas. Destas, a maioria é da Região Sudeste (43%), do sexo feminino (52%), com grau de escolaridade entre Ensino Médio (41%) e Superior (20%), com renda mínima entre R$ 1.996 a R$ 4.990 (36%) – entre R$ 4.990,01 a R$19.960 (13%). A margem de erro da pesquisa é de 3,2 pontos percentuais.

Para o deputado Zeca Dirceu (PT-PR), os dados revelam que o público que reprova o atual governo é do seu próprio eleitorado. “Pesquisa XP (banqueiros) de hoje mostra que cresce rejeição ao governo, era 26% e chega a 31%, mas já deve estar perto dos 40%. Nem mesmo distorcendo a amostra, majorando a participação de público muito rico e de alta escolaridade, a XP conseguiu esconder o aumento de rejeição ao Bolsonaro”, avaliou.

O deputado Carlos Zarattini (PT-SP) deixou registrado, em sua conta no Twitter, o recado que a pesquisa XP manda para a população: “Pouco mais de quatro meses após ser eleito, Bolsonaro já amarga queda na sua popularidade de 31 pontos em comparação à pré-posse. O povo acordou e percebeu que esse governo é um desastre. E os resultados da pesquisa confirmam isso”, escreveu o petista.

Na avaliação de Zarattini, Bolsonaro enganou povo brasileiro. “Ele prometeu que ia melhorar a vida do trabalhador, mas o que estamos vendo em quatro meses é só arrocho. Acabou com o aumento histórico do salário mínimo, não gerou nenhum emprego, inflação disparou e o projeto que acaba com a aposentadoria de milhares de brasileiros segue avançando na Câmara”, lamentou.

Persona non grata

Segundo a pesquisa, há uma ascendência na reprovação do governo de Jair Bolsonaro. Os dados mostram que os descontentes com o modo Bolsonaro de governar eram 17% (fevereiro), 24% (março), 26% (abril) e, agora em maio, chegou ao patamar de 31%.

Benildes Rodrigues

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Boletim 627 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 627 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia Direto de São Bernardo do C…