Home Portal Notícias CPI para investigar crime da Vale em Brumadinho será instalada dia 23

CPI para investigar crime da Vale em Brumadinho será instalada dia 23

4 min read
0

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara que vai investigar as causas do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho (MG), será instalada na próxima terça-feira (23), às 14h30, no plenário 12. A decisão do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ) foi lida em plenário hoje (16). “Fizemos um movimento para que essa CPI passasse a existir. E ela vem num dia importante. A Polícia Federal cumpriu hoje mandados em Belo Horizonte e em outras três cidades para investigar ainda a tragédia de Brumadinho, que nós já podemos afirmar tranquilamente ser um crime, mais um, cometido pela Vale”, afirmou o deputado Rogério Correia (PT-MG), que será um dos representantes do partido no colegiado.

Rogério Correia destacou que ele foi relator da Comissão Parlamentar Externa da Assembleia Legislativa de Minas, que averiguou o crime de Mariana (rompimento de barragem, também ligada à Vale). “Vejo muita semelhança, infelizmente, entre um crime e outro. Em todas elas houve, no mínimo, negligência, e tinham mesmo, por parte dessas mineradoras, consciência de que aquilo poderia ocorrer. E é isso que transformou o rompimento, não em acidente, mas um crime que poderia e deveria ter sido evitado”, enfatizou o deputado.

O rompimento da barragem da Vale ocorreu no dia 25 de janeiro deste ano, provocando a morte de 229 pessoas. Outras 48 estão desaparecidas.

Na avaliação do deputado Correia, a CPI vem em boa hora também porque a imprensa tem denunciado terrorismo e direitos violados em barragens da Vale. “Ou seja, as pessoas continuam sofrendo pelo crime cometidos, e a Vale em nada resolve os problemas evidentes dessa população. Essa CPI terá muito que trabalhar. E eu tenho certeza, vamos ter da Mesa Diretora também, todo o apoio para que a comissão avance nas investigações e os responsáveis paguem por esse crime bárbaro”.

Além do deputado Rogério Correia, serão também titulares na CPI, pelo PT, os deputados Leonardo Monteiro (MG), Padre João (MG), Patrus Ananias (MG), Reginaldo Lopes (MG). A deputada Margarida Salomão (PT-MG) atuará no colegiado como suplente.

Vânia Rodrigues

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Crescimento de violações aos direitos humanos é destaque em sessão solene na Câmara

Representantes da sociedade civil e do Ministério Público lamentaram, nesta sexta-feira (6…