Home Portal Notícias Manchetes Gleisi: Nossa tarefa número 1 é, mais do que nunca, dialogar com o povo

Gleisi: Nossa tarefa número 1 é, mais do que nunca, dialogar com o povo

5 min read
0

A grande mobilização popular durante os atos pela liberdade de Lula nos últimos dias foi a prova definitiva de que grande parte do povo está descontente com os desdobramentos políticos no Brasil. Mas a luta não pode parar. Esta é a avaliação da presidenta Nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), que participou nesta quinta (11) da Plenária Lula Livre em Goiânia (GO).  O evento, organizado pelo Diretório Estadual do PT, teve ainda a participação de diversas lideranças do partido e representantes de movimentos sociais alinhados à pauta progressista do país.

“A defesa de Lula é a centralidade política de oposição a este governo. Já vi muitos falarem, inclusive da esquerda, que o PT precisa superar a ‘agenda Lula’.  Sempre que me falam isso eu digo: ‘Vocês não têm noção do que estamos vivendo no País. Nós não teríamos Bolsonaro se não tivessem tirado a Dilma. Nós não teríamos Jair Bolsonaro se não tivessem prendido o Lula e o impedido de disputar uma eleição da qual era o favorito”, ilustra a presidenta.

Portanto, prossegue Gleisi, a luta por Lula está diretamente ligada às lutas pelo restabelecimento da ordem democrática nacional: “Nós temos que entender isso. Caso contrário a gente erra o foco e passamos a achar que o governo está dentro de uma conjuntura democrática, uma conjuntura de normalidade no país. Mas não é. Basta analisar o que eles fizeram para implantar o governo de extrema direita para perceber isso”.

A presidenta Estadual do PT de Goiás, Kátia Maria, concorda: “Enquanto Lula não estiver em liberdade a democracia brasileira não estará restabelecida. Nós só vamos ter as instituições brasileiras funcionando novamente e de forma democrática quando Lula tiver o seu direito de presunção de inocência e estiver junto conosco. Nós queremos ele livre para que faça o que sabe melhor: nos mostrar o caminho e dar esperança ao povo brasileiro”.

100 dias lamentáveis

Com a postura combativa que lhe é habitual, Gleisi também fez análise precisa do desgoverno Bolsonaro, que chegou ao 100º dia com nenhum motivo para comemorar.  “O que este governo trouxe até agora foi destruição. Destruição da Constituição, dos direitos sociais, da soberania, dos direitos humanos e da economia brasileira. Sempre lembro do que me disse Lula assim que Bolsonaro foi eleito: ‘tem gente que se elege para governar; tem gente que se elege para destruir. Bolsonaro se elegeu para destruir e merece nossa oposição sistemática’”.

Para a presidenta do maior partido de esquerda da América Latina, o PT tem papel primordial nas mobilizações populares e no enfrentamento ao governo dentro do Congresso. O PT tem uma capilaridade imensa e por isso tem responsabilidade.  Se a gente não tomar as rédeas dessa responsabilidade não vai ter quem faça. Mais do que nunca vamos falar com o povo. Ao mobilizar o povo a gente muda a realidade deste país”, conclui.

Da Redação da Agência PT de Notícias

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Reforma da Previdência entra em vigor e pode ser o começo do fim da aposentadoria pública

Legislação proposta pelo governo Bolsonaro retira direitos, rebaixa benefícios e dificulta…