Home Portal Notícias PT catarinense cobra agilidade na apuração de ameaças a vereador de esquerda

PT catarinense cobra agilidade na apuração de ameaças a vereador de esquerda

5 min read
0

Depois do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), que completou um ano recentemente, e das ameaças que fizeram o deputado eleito Jean Wyllys (PSOL-RJ) sair do Brasil, agora mais um parlamentar de esquerda é alvo da onda de ódio e da intolerância política que se alastra pelo País. Na última quarta-feira (20) um rastreador foi encontrado pela polícia na traseira do carro do vereador Vanderlei Farias (Lela), do PDT de Florianópolis (SC). Inicialmente a suspeita é que o dispositivo fosse uma bomba.

O ex-deputado e presidente do PT de Santa Catarina, Décio Lima, cobrou rigor na investigação do caso e identificação dos responsáveis. “Esperamos que os culpados sejam identificados e devidamente punidos, não podemos ter outro caso igual ao da vereadora Marielle Franco. O vereador Lela é um aliado das causas sociais”, disse.

Em nota, o Partido dos Trabalhadores de Florianópolis expressou solidariedade ao vereador Vanderlei Farias, o Lela, e também cobrou agilidade na apuração do caso e punição dos responsáveis. “Em tempos de ataques aos preceitos democráticos, é preciso combater qualquer tentativa que busque minar os Direitos Humanos e seus defensores”, diz a nota.

 

Leia abaixo a íntegra da nota pública do PT de Florianópolis:

NOTA PÚBLICA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES DE FLORIANÓPOLIS

O Partido dos Trabalhadores de Florianópolis expressa sua consternação, solidariza-se e espera agilidade na apuração do caso lamentável ocorrido com o vereador Vanderlei Farias – Lela (PDT).

O Vereador tem recebido ameaças nos últimos dias, todas registradas na Polícia Civil. Nessa quarta-feira (20), à noite, foi encontrado um rastreador no carro do vereador Vanderlei Farias (PDT), de Florianópolis. A suspeita inicial era de que fosse uma bomba.

Na Câmara de Vereadores, Vanderlei Farias tem tido um papel fundamental na oposição e na fiscalização do Poder Executivo Municipal. Recentemente, Lela tem trabalhado pela instalação de uma CPI do Almoxarifado, já que o contratado pela prefeitura apresentou uma série de supostas irregularidades e foi fechado pela Vigilância Sanitária, o que acarretou em enorme dano ao erário público.

Esperamos celeridade na apuração do caso e que os culpados sejam rapidamente identificados. Acontecimentos como o ocorrido estão à margem da Constituição Federal, que em seu artigo 5° define os direitos e garantias fundamentais dos cidadãos, principalmente no que diz respeito à proteção da intimidade, à vida privada, à honra e à imagem e coloca em risco um dos pilares fundamentais do processo civilizatório que foi a conquista da democracia. Em tempos de ataques aos preceitos democráticos, é preciso combater qualquer tentativa que busque minar os Direitos Humanos e seus defensores.

 

Executiva Municipal do Partido dos Trabalhadores de Florianópolis

PT na Câmara

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Petistas representam contra presidente da Fundação Palmares por ofensas ao movimento negro e às religiões de matriz africana

O líder do PT na Câmara, Enio Verri (PR), as deputadas Benedita da Silva (PT-RJ) e Erika K…