Home Portal Notícias Frente Parlamentar em defesa dos Correios reafirma compromisso com trabalhadores

Frente Parlamentar em defesa dos Correios reafirma compromisso com trabalhadores

4 min read
0

Defender os Correios como empresa pública é um compromisso com a soberania nacional. O papel que desempenham milhares de funcionários é essencial nesse trabalho social que interliga o Brasil de ponta a ponta. Por essas razões, na quarta-feira (19), foi lançada na Câmara dos Deputados a Frente Parlamentar em Defesa dos Correios, que será presidida pelo deputado Leonardo Monteiro (PT-MG).

O lançamento da Frente ocorre no mesmo dia em que a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos completa 50 anos, apesar de acumular 356 de serviços postais no Brasil. Apesar de ser um patrimônio nacional, a estatal sofre com tentativas de privatização e constante sucateamento. O deputado Leonardo Monteiro ressaltou a necessidade da união das entidades representativas de classe com a Frente: “A importância da Frente é o diálogo e a voz dada aos trabalhadores, principalmente nos últimos anos com uma onda de retrocessos, retirada de direitos e frequentes tentativas de privatização e ataque à soberania nacional. Os Correios tem papel fundamental na integração regional. Vamos continuar trabalhando na Frente pelo diálogo, em defesa da estatal e seus trabalhadores e na construção de alternativas por um Correios público e de qualidade”.

José Rivaldo, da Federação dos Trabalhadores dos Correios (Fentect), defendeu maior mobilização contra a privatização dos Correios. “Chegamos a esse dia com várias ameaças, mas precisamos acreditar em nós, que fazemos os Correios no dia a dia. Se não dermos as mãos, corremos o risco de terminar o ano entregues à iniciativa privada. A Federação está disposta em manter os Correios 100% público”. Para o deputado federal Vicentinho (PT-SP), o posicionamento da direção da empresa é fundamental para sua defesa. “Um exemplo é Minas Gerais que tem muitas cidades pequenas e o fechamento de agências é um prejuízo. Desejo que a nova direção tenha uma postura mais estadista”, ressaltou.

Participaram ainda da atividade da Frente os deputados Nilto Tatto (PT-SP), João Daniel (PT-SE), Carlos Veras (PT-PE), Rogério Correia (PT-MG)José Ricardo (PT-AM), Zé Carlos (PT-MA), além dos dirigentes da Federação dos Trabalhadores dos Correios (Fentect), José Rivaldo da Silva; da Federação Interestadual de Sindicatos dos Trabalhadores dos Correios (Findect), Manoel de Lima Feitosa; da Associação dos Profissionais dos Correios (Adcap), José Maria dos Santos Silva; da Associação dos Analistas dos Correios do Brasil (AACB), Jailson Pereira; da Associação Nacional dos Trabalhadores dos Correios (Anatect), Edilson Nery; o representante dos Correios, Gilmar Castello, e lideranças políticas e representantes de movimentos sociais.

 

Assessoria de Comunicação

 

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

“Meu maior prazer seria sair daqui e o Moro entrar. Ele e o Dallagnol”, afirma Lula ao 247

Em uma longa entrevista, marcada por momentos de indignação e descontração, o ex-president…