Home Portal Notícias Ibope: Bolsonaro despenca e aprovação de governo cai 15%

Ibope: Bolsonaro despenca e aprovação de governo cai 15%

6 min read
0

A aprovação do presidente Jair Bolsonaro (PSL) despenca cada vez mais. Levantamento do Ibope, divulgado nesta quarta-feira (20), mostrou que a proporção de quem considera a administração dele boa ou ótima caiu 15 pontos percentuais em 60 dias de governo. Com o resultado, Bolsonaro já tem o título de pior início de governo em comparação com todos os outros presidentes eleitos pelo povo, desde a redemocratização.

Após a posse em janeiro, a administração de Bolsonaro era considerada boa ou ótima para 49% dos entrevistados. O percentual caiu para 39% em fevereiro e agora em março, atingiu apenas 34%.  Nos seus primeiros mandatos, Dilma, Lula, Fernando Henrique e Collor sustentaram taxas mais altas do que os 34% de Bolsonaro nos meses iniciais. Ainda de acordo com o Ibope, as avaliações negativas de Jair são mais frequentes em cidades com mais de 500 mil habitantes (32%) e nos municípios que ficam nas periferias das regiões metropolitanas (29%).

Na avaliação do líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (RS), o problema não é Bolsonaro descer a ladeira. Em sua conta no Twitter, ele afirma que a queda de Bolsonaro já era previsível. “O problema é ele levar o Brasil junto…”.

Para o deputado José Guimarães (PT-CE) a rejeição é histórica. “Faz tempo que um presidente não tem uma rejeição tão grande no início do primeiro mandato”, lembrou, enfatizando que o índice de aprovação é inferior ao de Fernando Henrique Cardoso, de Lula e de Dilma no mesmo período do primeiro mandato.

A deputada Erika Kokay (PT-DF) ironiza: “Desgovernado e de ladeira abaixo. Será que tem razão o guru bolsonarista Olavo de Carvalho que profetizou que do jeito que está o governo não dura 6 meses?”, provocou.  E o deputado Beto Faro (PT-PA) resumiu: “a ficha começou a cair”.

Também no Twitter, o deputado Rogério Correia (PT-MG) afirmou que o tombo de Bolsonaro no Ibope repercute fortemente na Câmara. “Isso tem a ver com o projeto de Reforma da Previdência, mas também com o conjunto da obra”, completou.

53% dos nordestinos não confiam em Bolsonaro

A Revista Piauí destacou, em publicação desta quarta, que os nordestinos e os moradores das grandes cidades do País são os que mais desconfiam de Jair: 53% não confiam no ex-capitão.  Ainda de acordo com a Piauí, o resultado é uma péssima notícia para o desgoverno de Bolsonaro, uma vez que, os movimentos da opinião pública costumam migrar das capitais para o interior, e não o contrário.

A revista destacou ainda que outros institutos de pesquisas avaliaram as razões da queda de avaliação de Bolsonaro e, entre as principais, há quatro motivos: a proximidade dele com milícias do Rio de Janeiro, denúncias de corrupção envolvendo o filho Flávio Bolsonaro, falta de medidas práticas que combatam a violência urbana e o destempero demonstrado por Jair em suas manifestações públicas, principalmente por meio do Twitter durante o Carnaval.

A pesquisa divulgada nesta quarta foi paga pelo próprio Ibope. O instituto faz, todo mês, uma pesquisa nacional com 2.002 entrevistas face a face na qual diferentes clientes pagam para incluir perguntas de seu interesse. A pesquisa mais recente foi realizada entre 16 e 19 de março, em todas as regiões do Brasil, com a população de 16 anos ou mais. A margem de erro é de dois pontos, para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%.

 

Vânia Rodrigues, com Agência PT de Notícias

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Operação ‘Vaza Jato’ impediu a candidatura de Lula em 2018, afirmam parlamentares

O deputado Joseildo Ramos (PT-BA) defendeu em plenário, nesta segunda-feira (17), que Sérg…