Home Portal Notícias Zé Carlos critica MP 871 e apresenta emendas para aumentar prazo de defesa dos segurados do INSS

Zé Carlos critica MP 871 e apresenta emendas para aumentar prazo de defesa dos segurados do INSS

2 min read
0

O deputado Zé Carlos (PT-MA) apresentou emendas à medida provisória 871/19. A MP cria um programa para análise de benefícios previdenciários com “indícios de irregularidades”, mas mira somente os segurados trabalhadores urbanos e rurais da Previdência e os assistidos mais pobres da Assistência Social. “O problema é que o governo não foca na cobrança às grandes empresas que devem bilhões de reais ao INSS”, critica Zé Carlos.

Conforme o deputado maranhense, em 2018 a dívida das grandes empresas chegava a quase R$ 480 bilhões. “A proposta do governo, por exemplo, concede apenas o prazo de dez dias para que o segurado – tanto urbano quanto rural – apresente defesa no caso de seu benefício apresentar algum indício de irregularidade”, explica Zé Carlos. Caso a defesa não seja apresentada nesse prazo ou se o INSS entender que a defesa é insuficiente, o benefício será suspenso.

O parlamentar petista já apresentou várias emendas à MP e uma delas, inclusive, é para aumentar o prazo de defesa. Zé Carlos entende que, principalmente para o trabalhador rural, o prazo de dez dias é demasiadamente curto, e propõe que seja, pelo menos, de 30 dias.

A medida provisória recebeu mais de 500 emendas.

 

Assessoria de Comunicação

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Carlos Veras apresenta mais de 40 emendas para derrubar MP 905, que retira direitos trabalhistas

O deputado federal Carlos Veras (PT-PE) apresentou 41 emendas à medida provisória (MP 905/…