Home Portal Notícias Lula Livre Boletins Boletim 304 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 304 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

5 min read
0

1. Um dia após liminar do ministro do STF Marco Aurélio Mello ser inconstitucionalmente derrubada porque poderia permitir a libertação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a Vigília de Curitiba teve na manhã desta quinta-feira (20) um ato político com a presença da presidenta do PT, senadora Gleisi Hoffman (PR), e dez deputados e deputadas federais do Partido dos Trabalhadores. Gleisi deixou uma mensagem de otimismo e estímulo à luta pela libertação de Lula, a despeito das ações escusas de parte do Judiciário para manter o ex-presidente como preso político em Curitiba. Leia mais: http://www.pt.org.br/parlamentares-do-pt-fazem-ato-na-vigilia-lula-livre/

2. O ato político com os parlamentares petistas aconteceu logo após o bom dia ao ex-presidente, atividade da qual eles participaram. O líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), criticou setores do Judiciário pela atuação grotesca de quarta-feira (19), lembrando o fato inusitado de juíza de primeira instância desobedecer uma decisão de ministro do STF e pedir vistas do Ministério Público. Os outros parlamentares que participaram do ato foram: Afonso Florence (BA), Arlindo Chinaglia (SP), Benedita da Silva (RJ), Erica Kokay (DF), Leo de Brito (AC), Leonardo Monteiro (MG), Nelson Pellegrino (BA), Paulo Teixeira (SP) e Pedro Uczai (SC).

3. Em nota divulgada nesta quinta-feira (20), a Comissão Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores denunciou que a perseguição a Lula compromete sistema judicial brasileiro. O PT afirma que “mais uma vez os setores partidarizados do Ministério Público e do sistema judicial brasileiro se articularam para negar ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva o direito de recorrer em liberdade contra a condenação arbitrária”. Leia a nota: https://lula.com.br/nota-do-pt-perseguicao-a-lula-compromete-sistema-judicial-brasileiro/

4. Foi iniciada a mobilização para que o ex-presidente Lula seja candidato ao Prêmio Nobel da Paz de 2019 por seu trabalho à frente da Presidência da República no combate à fome e à miséria no Brasil, já que a segurança alimentar constitui um dos principais instrumentos para garantir a paz mundial. Graças às políticas implementadas, o Brasil saiu do Mapa da Fome das Nações Unidas em 2014. A mobilização para formalizar a candidatura de Lula tem sido impulsionada pelo Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil. Saiba mais: http://www.pt.org.br/mobilizacao-quer-candidatura-de-lula-ao-premio-nobel-da-paz-2019/

5.O bom dia ao ex-presidente Lula nesta quinta-feira, 258º, dia de resistência democrática em Curitiba, foi puxado por Teresa Lemos, integrante da coordenação da Vigília Lula Livre. “É com indignação que estamos aqui mais um dia, em defesa da democracia e da libertação de Lula, preso injustamente desde 7 de abril”, disse. No boa tarde a Lula, o presidente do PT do Paraná, Doutor Rosinha, afirmou que a atuação de parte do Judiciário para manter Lula preso sem provas de que cometeu algum crime aprofunda a crise institucional no País e, mais grave ainda, denota a existência de uma verdadeira ditadura que deve ser derrotada pelo povo brasileiro.

Boletim 304 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 20/12/2018 – 258° dia de resistência – 19h35

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Projeto susta ato do Executivo que reclassifica nível de toxicidade de agrotóxicos

O Projeto de Decreto Legislativo 616/19 pretende tornar sem efeito o ato do Ministério da …