Home Portal Notícias Em diplomação, Valmir diz que continuará na luta ao lado de Lula e dos movimentos sociais

Em diplomação, Valmir diz que continuará na luta ao lado de Lula e dos movimentos sociais

3 min read
0

Prestes a iniciar seu terceiro mandato como deputado federal, Valmir Assunção (PT-BA) voltou a defender a inocência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a atuação dos movimentos sociais no Brasil. Durante cerimônia de diplomação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), nessa segunda-feira (17), o petista tratou de fazer um balanço do 31º Encontro Estadual do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), pediu mais respeito para os militantes e trabalhadores que encampam a luta pela terra – uma de suas principais bandeiras no parlamento – e engrossou o coro pela libertação de Lula.

“Sabemos que Lula é um preso político, que não há crimes e não existem provas contra ele. Todos nós estamos cientes que se trata de um esquema para mantê-lo longe do povo e das eleições, longe da política. Tiraram ele das ruas, onde mais gosta de fazer política, ao lado do povo. Dedico minha diplomação ao maior e melhor presidente que esse País já teve. E vamos seguir lutando ao lado dele e dos movimentos sociais para que o povo volte a sorrir e a ter seus direitos reconhecidos. Não vamos descansar e não vamos soltar as mãos neste momento difícil que vive a política do Brasil. O MST da Bahia homenageou seus líderes que tombaram, e também tratou de pedir a liberdade do ex-presidente”, declara Assunção.

Valmir disse que existem projetos importantes em tramitação e que pretende acompanhar de perto a pauta na Câmara Federal. O deputado ainda seguirá no seu próximo mandato na luta por melhores condições em assentamento e acampamentos do MST, “contra os agrotóxicos e por uma reforma agrária popular são também minhas lutas”, completa.

 

Assessoria de Comunicação Valmir Assunção

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Deputados apresentam plano para proteger indígenas do coronavírus

O primeiro caso de indígena infectado pelo coronavírus foi registrado na quarta-feira (1º …