Home Portal Notícias Manchetes Emocionado, Luiz Sérgio lembra de seu pai e de militantes que lutaram pela Constituinte de 88

Emocionado, Luiz Sérgio lembra de seu pai e de militantes que lutaram pela Constituinte de 88

5 min read
0

Um dos momentos marcantes da exposição “O PT no Processo Constituinte (1987-1988)”, que ocorreu na Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira (12), foi o depoimento do deputado Luiz Sérgio (PT-RJ). Em discurso, o parlamentar destacou a importância do trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Documentação do PT na Câmara – em conjunto com a Fundação Perseu Abramo –  e se emocionou ao lembrar a maneira trágica de como José de Oliveira, seu pai, veio a falecer.

“Falo isso de maneira emocionada porque as eleições que elegeram os parlamentares constituintes [1986] para escrever a Constituição de 88, também marcou a minha vida. Eu perdi meu pai atropelado, fazendo boca de urna para o PT. Meu pai, militante, tinha 56 anos de idade. Ele morreu com a bandeira e os panfletos do PT para que pudéssemos estar aqui, hoje, lutando por democracia e para que a Constituição seja, acima de tudo, preservada como instrumento legitimo da cidadania brasileira”, relembrou, muito emocionado, Luiz Sérgio.

Como forma de preservar o processo democrático, o deputado destacou a ideia defendida pelo líder da Bancada do PT, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), durante a cerimônia, de andar pelo Brasil defendendo a Constituição brasileira. “Essa proposta de fazer essa peregrinação pelo Brasil ocorre em um momento adequado porque a Constituinte de 88 foi um momento de repactuação do Brasil, da construção da democracia que veio a partir de muita luta, de um grande movimento que unificou o Brasil para que ele pudesse reencontrar com seu povo e com sua história”, finalizou Luiz Sérgio.

Veja o vídeo com o deputado:

DEPUTADO LUIZ SÉRGIO E A CONSTITUINTE DE 88

DEPUTADO LUIZ SÉRGIO E A CONSTITUINTE DE 88Um dos momentos marcantes da exposição “O PT no Processo Constituinte (1987-1988)”, que ocorreu na Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira (12), foi o depoimento do deputado Luiz Sérgio (PT-RJ). Em discurso, o parlamentar destacou a importância do trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Documentação do PT na Câmara – em conjunto com a Fundação Perseu Abramo – e se emocionou ao lembrar a maneira trágica de como José de Oliveira, seu pai, veio a falecer.“Falo isso de maneira emocionada porque as eleições que elegeram os parlamentares constituintes [1986] para escrever a Constituição de 88, também marcou a minha vida. Eu perdi meu pai atropelado, fazendo boca de urna para o PT. Meu pai, militante, tinha 56 anos de idade. Ele morreu com a bandeira e os panfletos do PT para que pudéssemos estar aqui, hoje, lutando por democracia e para que a Constituição seja, acima de tudo, preservada como instrumento legitimo da cidadania brasileira”, relembrou, muito emocionado, Luiz Sérgio.

Posted by PT na Câmara on Wednesday, December 12, 2018

 

Benildes Rodrigues

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

CDHM promove debate sobre a parte mais oculta da internet, a deep web

A deep web é uma camada da internet que não pode ser acessada pelos principais meios de me…