Home Portal Notícias Prêmio Lúcio Costa é entregue a entidades e pessoas que lutam pelo desenvolvimento urbano

Prêmio Lúcio Costa é entregue a entidades e pessoas que lutam pelo desenvolvimento urbano

4 min read
0

Em cerimônia representativa, com a participação de entidades e personalidades do mundo da arquitetura e urbanismo, a Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados, presidida pela deputada Margarida Salomão (PT-MG) encerrou os trabalhos legislativos, nesta terça-feira (11), com a entrega do Prêmio Lúcio Costa 2018. Foram agraciados movimentos sociais e lideranças que atuam pela democracia e pelo desenvolvimento urbano brasileiro.  “Estamos encerrando esse encontro, em parceria com o Conselho de Arquitetos e Urbanistas Brasileiros, com presenças expressivas e homenageados que são inspirações e exemplo de luta por cidades democráticas”, destacou Margarida.

Em seu discurso, a deputada que preside a CDU lembrou das dificuldades que o povo brasileiro enfrenta, a partir da edição da Emenda Constitucional 95 – que congela investimentos em áreas prioritárias, como saúde e educação, por exemplo, por 20 anos. “É uma medida que efetivamente bloqueia investimentos fundamentais para a vida urbana brasileira”, constatou Margarida Salomão.

O anúncio por parte do presidente eleito, Jair Bolsonaro, de que vai acabar com o Ministério das Cidades, criado no Governo do Presidente Lula, também foi criticado pela parlamentar. “Neste momento tão difícil da vida brasileira em que se anuncia a extinção do Ministério das Cidades, em que se criminaliza os movimentos sociais, essas entidades são fundamentais para que se assegurem o direito à moradia, ao saneamento, transporte e o direito à cidade, é importante que todos estejamos juntos”, conclamou.

O primeiro vice-presidente da Comissão, deputado João Daniel (PT-SE), saudou os homenageados e disse que o quadro que se vislumbra para os próximos anos requer muita luta. “Não há outro caminho que não seja de muita luta. O papel do parlamento, o nosso papel é defender o direito do povo brasileiro contra qualquer retrocesso”, afirmou.

“Essa homenagem é para todos aqueles que lutam e acreditam assim como Lúcio Costa, Miguelzinho (Miguel Lobato), e como tantos homens e mulheres que deram e dão sua contribuição para a construção de uma sociedade justa, igualitária e fraterna”, finalizou.

Em sua quarta edição, o Prêmio Lucio Costa agraciou nesta terça-feira, na categoria personalidades, o arquiteto e urbanista Nazareno Stanislau Affonso; o professor-doutor Luiz Roberto Santos Moraes; e Miguel Lobato (In Memorium). Os agraciados na categoria entidades, foram: BH em Ciclo; Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST); e a Federação Nacional dos Urbanitários.

Benildes Rodrigues

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Crescimento de violações aos direitos humanos é destaque em sessão solene na Câmara

Representantes da sociedade civil e do Ministério Público lamentaram, nesta sexta-feira (6…