Home Portal Notícias Parlamentares do PT agradecem apoio da Prefeitura de Barcelona à democracia e à libertação de Lula

Parlamentares do PT agradecem apoio da Prefeitura de Barcelona à democracia e à libertação de Lula

4 min read
0

O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (RS), e a presidenta do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), agradeceram neste sábado (17) à Prefeitura de Barcelona – mais diretamente à prefeita Ada Colau e ao vice-prefeito Gerardo Pisarello – pela manifestação oficial em defesa da democracia brasileira, contra a onda de ódio e de violência estimulada no Brasil e em favor da imediata libertação do ex-presidente Lula.

Pelas redes sociais, Pimenta falou em nome da Bancada do PT na Câmara e agradeceu à prefeita pela “manifestação em favor do Brasil democrático e em defesa da liberdade de Lula”. Também pelas redes, Gleisi ressaltou que a situação do País, envolvendo Lula e a democracia brasileira, transformou-se numa “preocupação internacional”.

“Está ruim para o Brasil. A nomeação de Sergio Moro para ministro foi a comprovação do julgamento político de Lula”, disse a senadora, fazendo referência ao conteúdo da manifestação da Prefeitura de Barcelona. “Pedem missão internacional de observadores para avaliar independência do Judiciário”, completa.

Na declaração, que foi aprovada pelo Pleno (instância máxima da prefeitura), seus signatários demonstraram profunda preocupação com a nomeação do juiz Sergio Moro para ocupar o cargo ministro da Justiça, bem como defenderam o envio de uma missão internacional de observadores para avaliar a independência do Judiciário brasileiro.

A declaração institucional da Prefeitura de Barcelona também condenou o discurso de ódio e violência do presidente recém-eleito, Jair Bolsonaro, e repudiou suas atitudes machistas, racistas e autoritárias, fazendo uma defesa clara dos direitos previstos na Constituição de 1988.

Em vídeo, o vice-prefeito Gerardo Pisarello manifestou preocupação com a vitória de Bolsonaro no Brasil. “Seu discurso escandalosamente autoritário, homofóbico, classista, machista e racista não vai nos calar. Nós não esquecemos o assassinato de Marielle Franco e os movimentos sociais que lutam há anos pela liberdade e pela dignidade no Brasil”, protestou.

Em seguida, reforçou o compromisso de defesa da democracia brasileira. “Por isso, a Prefeitura de Barcelona aprovou uma declaração institucional que condena o discurso de ódio do presidente eleito do Brasil e se compromete com a defesa dos direitos humanos neste país irmão e exige a libertação imediata do ex-presidente Lula, condenado em um processo marcado por enormes irregularidades”.

PT na Câmara

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Crescimento de violações aos direitos humanos é destaque em sessão solene na Câmara

Representantes da sociedade civil e do Ministério Público lamentaram, nesta sexta-feira (6…