Home Portal Notícias Bohn Gass defende revogação urgente da emenda 95, que congelou gastos públicos

Bohn Gass defende revogação urgente da emenda 95, que congelou gastos públicos

2 min read
0

O deputado Lula Bohn Gass (PT-RS) defendeu em plenário, nesta terça-feira (7), a revogação a Emenda Constitucional 95, que congelou os gastos públicos por 20 anos.  Ele enfatizou que a Bancada do PT denunciou, desde o dia em que essa proposta do governo golpista chegou a essa Casa, que não era possível congelar os gastos públicos com saúde, com educação, com segurança, com agricultura, com infraestrutura. “Sempre afirmamos que isso era um crime contra o povo! Mas Temer, com apoio tucano, do PP e da turma do golpe mentiu, disse que isso era ajuste fiscal e conseguiu aprovar o congelamento”, lamentou.

O resultado da aplicação da Emenda 95, segundo Bohn Gass, foi o aumento do desemprego. “O País paralisou. Agora, até o Tribunal de Contas da União já está avisando: ou muda a Lei do Teto, ou a máquina pública será totalmente paralisada em 2024”, frisou.

A Fundação Getúlio Vargas, acrescentou o parlamentar do PT gaúcho, é ainda mais direta: ou descongela, ou o governo para já no ano que vem. “Por isso, é necessária e urgente a revogação da Emenda Constitucional 95, concluiu.

PT na Câmara

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Boletim 427 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Boletim 427 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia Direto de Curitiba – 22/4/2…