Home Portal Notícias Lula Livre Que venha o penta: Lula é oficializado candidato para o PT vencer a quinta eleição consecutiva

Que venha o penta: Lula é oficializado candidato para o PT vencer a quinta eleição consecutiva

5 min read
0

O Partido dos Trabalhadores confirmou neste sábado (4), em convenção nacional, a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. No primeiro encontro nacional sem a presença de do ex-presidente, preso político há quatro meses, a legenda aclamou Lula candidato e reiterou que ele será registrado no próximo dia 15 com uma grande marcha a Brasília.

“Este encontro nacional do PT talvez seja um dos mais importantes em toda a história do nosso partido. É enorme a responsabilidade que temos pela frente. A decisão de hoje vai nos conduzir a uma luta sem tréguas pela democracia, pelo povo brasileiro e pelo Brasil”, afirmou Lula em carta lida no evento, ao lembrar que este foi o primeiro encontro nacional petista sem a sua presença. “Mas sei que estou presente por meio de cada um de vocês, cada dirigente, delegado e militante do PT”, escreveu o ex-presidente.

Na carta, Lula ponderou que a caçada jurídica que o tem como alvo afeta a todo povo brasileiro. “Já derrubaram uma presidenta eleita; agora querem vetar o direito do povo escolher livremente o próximo presidente. Querem inventar uma democracia sem povo”, ressaltou.

A presidenta nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), lembrou que o encontro marca mais um enfrentamento histórico à tentativa de impedir a candidatura de Lula. “Este é um momento histórico e quero dar um recado para a Globo: apesar de vocês estamos aqui e Lula é o nosso candidato a presidente da República. Somos milhões de Lulas, como ele nos pediu”, destacou.

Projetando o futuro com otimismo, o líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), antecipou uma festa de posse diferente do protocolo formal. “Quero estar em Brasília no dia 1º de janeiro e ver a Dilma passando a faixa presidencial pro Lula, porque não vamos aceitar o Temer”, disse o parlamentar.

O coordenador do Plano Lula de Governo, Fernando Haddad ressaltou a liderança de Lula nas pesquisas eleitorais, mesmo após quatro meses de sua prisão política. “Eu sou daqueles que têm a convicção de que estamos rumo ao pentacampeonato petista. Vamos ganhar a quinta eleição consecutiva”.

A presidenta eleita Dilma Rousseff encerrou o evento lembrando o papel do partido em um momento de acirramento da disputa para restabelecer a democracia. “Vamos enfrentar uma luta muito dura. Nós queremos Lula candidato à presidência porque o povo quer. E nesta etapa nós precisamos lutar todos os dias. Está nas nossas mãos fazer o que tem que ser feito. Vamos à luta”, convocou a vencedora da eleição de 2014.

Lula.com.br

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Trincheira de resistência dos movimentos sociais, Comissão de Direitos Humanos da Câmara completa 25 anos em 2020

Para celebrar os 25 anos de criação da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, a Câmara d…