Home Portal Notícias Manchetes Marcon afirma que Temer prejudica cada vez mais a agricultura familiar

Marcon afirma que Temer prejudica cada vez mais a agricultura familiar

2 min read
0

O deputado Lula Marcon (PT-RS), em pronunciamento na tribuna da Câmara, criticou duramente a política do governo Temer para os pequenos agricultores. “Estou indignado e revoltado com a forma como esse governo ilegítimo de Temer, do MDB e seus aliados, trata a agricultura familiar. Não bastasse ir buscar leite no Uruguai, há mais de um ano e meio, fazendo com que nossos produtores de leite tenham prejuízo, agora dá mais um golpe nesse setor, prejudicando os plantadores de alho e arroz, no Rio Grande do Sul”, lamentou.

Ele citou ainda que o preço mínimo da uva não subiu, é o mesmo preço do ano passado e o preço do milho era uma “bagatela” quando estava na mão do agricultor. “Poderíamos citar aqui vários produtos que os agricultores vendem em centavos e compram o quilo do que precisam em real, e como se isso não bastasse, na semana passada, o governo editou a Medida Provisória 842, para, em um dos dispositivos, acabar com o rebate e impedir que os agricultores no Pronaf negociem suas dívidas, prejudicando mais uma vez aqueles que têm tido prejuízo nesses últimos 2 anos”, protestou.

Marcon destacou que o Congresso Nacional já derrubou veto do governo Temer, que impedia essa renegociação da dívida dos pequenos agricultores. “Não podemos aceitar mais esse golpe contra a agricultura familiar, contra os assentados, contra os quilombolas, contra os pescadores e contra os ribeirinhos”, frisou.

Vânia Rodrigues

 

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nota do PT em solidariedade a Evo Morales e ao povo boliviano

“Exigimos o respeito aos direitos humanos, à vida e à integridade do presidente Evo Morale…