Home Portal Notícias Lula Livre Boletins Boletim 128 – Militância mantém resistência em defesa da democracia e da liberdade de Lula

Boletim 128 – Militância mantém resistência em defesa da democracia e da liberdade de Lula

5 min read
0

Direto de Curitiba – 26/06/2018 – 20h10

 

  1. A Vigília Democrática Lula Livre completou hoje 80 dias de luta e resistência em defesa da democracia e contra a arbitrária prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O espaço, na praça Olga Benário, no entorno da sede da Polícia Federal em Curitiba, se tornou um símbolo nacional e mundial em defesa da democracia e da libertação de Lula, encarcerado desde o dia 7 de abril como preso político. Leia nota da Vigília Lula Livre: http://www.pt.org.br/nota-da-vigilia-lula-livre-80-dias-de-resistencia-e-luta/

 

  1. Nos 80 dias de Vigília, milhares de pessoas já passaram por Curitiba para dar apoio ao movimento. Todos os dias, políticos, grupos religiosos, artistas e militantes e ativistas do País e do exterior, vindos de todos os lugares se revezam para prestar solidariedade e enviar sua mensagem ao ex-presidente. Na Vigília, são realizadas rodas de conversas, debates, atos, lançamento de livros, práticas com produtores rurais e diversas outras atividades em prol da população e a favor da libertação e do direito de Lula concorrer às eleições. Veja fotos dos 80 dias de Vigília: http://www.pt.org.br/fotos-a-festa-dos-80-dias-da-vigilia-lula-livre-em-curitiba/

 

  1. A terça-feira na Vigília Lula Livre começou com uma mística (ato performático) feita pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) para marcar os 80 dias de resistência democrática em Curitiba. Integrantes do MST, com bandeiras em defesa de Lula e da reforma agrária, reforçaram a importância dos trabalhadores do campo para toda a sociedade brasileira, defenderam o nome de Lula para a Presidência e criticaram as seguidas manobras jurídicas contra o ex-presidente feitas pelo ministro Edson Fachin, do STF.

 

  1. Hoje, chegaram à Vigília novas caravanas de militantes provenientes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Minas Gerais, reforçando a mobilização em defesa da libertação de Lula, condenado arbitrariamente e sem provas pelo juiz Sérgio Moro. No meio da tarde, o coordenador do MST, Roberto Baggio, participou de uma roda de conversa sobre a conjuntura nacional.

 

5.A ex-ministra do Planejamento Miríam Belchior participou do “bom dia’’ ao ex-presidente Lula e, em seguida, conversou com os militantes sobre os efeitos nefastos da Emenda Constitucional 95, promulgada pelo governo ilegítimo Michel Temer e que congela por 20 anos os gastos primários do governo. Belchior defendeu a revogação da emenda no futuro governo Lula. Os efeitos da medida, principalmente para os que mais precisam de assistência, já estão sendo desastrosos. Leia mais: http://www.pt.org.br/teto-de-gastos-e-desastroso-a-medio-prazo-aponta-miriam-belchior/

 

Boletim 128 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Direto de Curitiba – 26/06/2018 – 20h10

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Fenaj denuncia agressões a Vera Magalhães e escalada autoritária do governo Bolsonaro

A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) alerta a sociedade, mais uma vez, para a sanh…