Home Portal Notícias Benedita destaca que Brasil piora nos índices de desigualdade de gênero

Benedita destaca que Brasil piora nos índices de desigualdade de gênero

4 min read
0

A deputada Benedita Lula da Silva (PT-RJ) lamentou em plenário, nesta terça-feira (19), o fato de o Brasil ser o país com um dos piores índices de desigualdade de gênero do mundo. Ela citou o ranking da desigualdade de gênero, do Fórum Econômico Mundial, no qual o Brasil ocupa a 110º posição de um total de 144 países.

“No Parlamento, nós somos apenas 10,07% de mulheres e nós, sabemos todos, representamos mais de 50% da população brasileira. E, nesse caso, nem estou falando das mulheres negras”, reforçou Benedita.

A deputada frisou ainda que o golpe de 2016, “dado pela elite machista contra uma mulher presidenta”, só fez agravar essa desigualdade. Lembrou que foi contra essa desigualdade que o Partido dos Trabalhadores instituiu a paridade de gênero em todas as suas instâncias e investe nas lutas e na representação política das mulheres. “Na última sexta-feira, no meu estado, no evento Elas por Elas, que é onde o PT tem se apresentado para o fortalecimento das pré-candidaturas femininas e para estimular as mulheres a serem candidatas, nós apresentamos o nome de Márcia Tiburi, uma recente filiada ao PT, para ser a nossa pré-candidata a governadora do Rio de Janeiro”, informou.

Benedita acrescentou ainda que a bancada feminina está sendo estimulada e apoiada pelo PT para que possam ter mais e melhor desempenho nessas eleições.

“Nós, mulheres, sobretudo nós mulheres negras, as mais discriminadas pela sociedade e pelo Estado, temos que nos unir para disputar e ocupar os espaços de poder. Nessa luta temos muitos aliados homens, temos o PT, mas o empoderamento que precisamos conquistar depende, em primeiro lugar, de nosso protagonismo”, reconheceu.

Filiação – Benedita Lula da Silva afirmou que o PT voltou a crescer e a aumentar o número de novas filiações. “Esta não tem sido uma tarefa difícil para nós, que estamos vendo como as mulheres e também os homens estão optando pelo PT, sem que tenhamos uma campanha acirrada de filiação”.

Na avaliação da deputada, o PT é o partido que mais cresce nas filiações, principalmente depois que colocaram no cárcere sem crime algum o ex-presidente Lula. “Isso porque a população está entendendo este golpe, o PT está aumentando e queremos Lula de novo na Presidência”, concluiu.

Vânia Rodrigues

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Oposição faz obstrução para marcar o luto pelas mais de 100 mil vidas perdidas na pandemia

Os partidos da Oposição fizeram uma forte obstrução política na Câmara, nesta quinta-feira…