Home Portal Notícias Manchetes Resistência do povo e da oposição enterra MP que privatizava Eletrobras

Resistência do povo e da oposição enterra MP que privatizava Eletrobras

6 min read
0

Deputados da Bancada do PT na Câmara comemoraram em plenário nesta terça-feira (22) a relevante vitória obtida pelo povo brasileiro a partir da luta de partidos de esquerda, movimentos sindicais e movimentos sociais para preservar o patrimônio e a soberania nacional. Essa resistência fez o governo arquivar a Medida Provisória 814/17, que propunha a venda da Eletrobras e a privatização do setor elétrico brasileiro, em mais uma liquidação dos bens públicos do País.

“Derrotamos a Reforma da Previdência. Derrotamos agora a privatização da Eletrobras, pelo menos por um período. Vamos derrotar este governo que está destruindo o País”, disse o deputado Pedro Lula Uczai (PT-SC). O anúncio do revés imposto ao governo, que decidiu recuar na proposta responsável por diversas mudanças no setor de energia elétrica, foi feito pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Para a deputada Erika Lula Kokay (PT-DF), preservar o setor elétrico nas mãos do povo brasileiro significa impedir que uma estatal detentora de ativos no valor de R$ 400 bilhões seja entregue por apenas R$ 12 bilhões para empresas de outros países, que jamais pensariam em fazer negócios com o patrimônio de uma área estratégica.

“Hoje impusemos uma grande derrota ao conjunto desses que querem entregar o País e acham que o Brasil é uma grande mercadoria que pode ser vendida. Vencemos essa batalha contra esse governo que aumentou o preço da gasolina, como nunca antes se viu; que aumentou o desemprego, como nunca antes se viu; que está destruindo e acabando com o Fundo Soberano”, detalhou.

O deputado Leo de Brito Lula (PT-AC) também ressaltou a importante vitória sobre o governo golpista. “Depois de retirar a famigerada proposta de Reforma da Previdência, Temer teve que retirar agora a medida provisória que privatizava o setor elétrico e, por consequência, aumentava tarifas, precarizava condições de trabalho e comprometia investimentos e qualidade dos serviços”, afirmou.

O deputado Pedro Uczai lembrou que, para a vitória ser completa, é preciso barrar também a tramitação do projeto que propõe a desestatização da Eletrobras (PL 9.463/18) e que está sob análise de uma comissão especial. “Vamos enterrar de vez a privatização da Eletrobras, paralisando inclusive as ações dessa comissão. Se conseguirmos cancelar, paralisar, arquivar o projeto, construiremos efetivamente outro horizonte”, garantiu.

O deputado Henrique Lula Fontana (PT-RS), ao comemorar a derrota do governo Temer, fez um alerta à população brasileira acerca das próximas eleições. Ele lembrou que as mesmas forças que sustentaram o golpe e que hoje reúnem forças para desmontar o patrimônio estratégico do Brasil estão prontas para entrar em ação na próxima campanha eleitoral.

“É hora efetivamente de nós deixarmos claro quais são os candidatos à Presidência que representam o governo Temer nesta eleição, aqueles que se reuniram e fizeram aliança para, através de um golpe, chegar ao poder. São eles: Geraldo Alckmin, Jair Bolsonaro, Rodrigo Maia, Henrique Meirelles. Todos eles comprometidos com esse mesmo projeto do golpe, todos eles comprometidos com essa mesma política econômica que está afundando o nosso País”, concluiu.

PT na Câmara

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

João Daniel denuncia que regularização fundiária proposta por Bolsonaro acentua injustiça agrária

A preocupação com a medida provisória (MP 910/19), editada esta semana pelo governo federa…