Home Portal Notícias Lula Livre Boletins Boletim 64 – “Não há nada no mundo que pague o carinho de vocês”, diz Lula

Boletim 64 – “Não há nada no mundo que pague o carinho de vocês”, diz Lula

6 min read
0

Boletim 64 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 04/05/2018 – 20h30

1. Além do ataque desferido por Gastão Schefer, delegado da PF e suplente de deputado federal pelo Partido da República, o acampamento Marisa Letícia sofreu na noite passada ameaças feitas por pessoas que estavam a bordo de um carro branco com placa BCV-1290, de Curitiba. A deputada federal Ana Perugini (PT-SP), que dormiu no acampamento, apurou que os integrantes do veículo portavam armas de fogo e passaram toda a noite rondando o local onde centenas de pessoas estão acampadas em defesa de justiça para o preso político Luiz Inácio Lula da Silva. Todos os fatos foram denunciados às autoridades policiais, mas nada tem freado as ameaças fascistas à Vigília Democrática #LulaLivre em Curitiba.

2. Em nova carta enviada à Vigília #LulaLivre, nesta sexta-feira (4), o ex-presidente confirma que tem acompanhado “com muita emoção” os atos todos os dias e manda um “beijo no coração de cada homem e de cada mulher”. Lula também disse que “não há nada no mundo que possa pagar o carinho que vocês têm demonstrado todo dia” e reafirmou a constatação de que é “vítima de um conluio entre a imprensa e a Força Tarefa da Lava Jato”. Confira a íntegra da carta:
http://www.pt.org.br/carta-de-lula-para-a-vigilia-a-minha-tranquilidade-e-porque-eu-tenho-voces

3. O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), cobrou com urgência informações à juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, sobre a decisão que barrou a visita de uma comissão externa da Câmara dos Deputados ao ex-presidente Lula. A magistrada impediu que fosse feita uma vistoria nas condições da prisão do ex-presidente, sob o argumento de que a mesma era desnecessária. Em razão disso, a presidência da Câmara acionou o STF contra a magistrada. Fachin remeteu ao plenário do Supremo a ação da Câmara, que acusa Lebbos de desrespeitar o princípio da separação entre os Poderes. Caberá aos 11 ministros da Corte analisar a ação.

4. Teve início nesta sexta-feira (4) o prazo para que os ministros da segunda turma do Supremo Tribunal Federal (STF) julguem, no plenário virtual, o recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para deixar a prisão. No recurso que será julgado, a defesa de Lula sustenta que Moro não poderia ter executado a pena porque não houve esgotamento dos recursos no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF), segunda instância da Justiça Federal. Os ministros da segunda turma terão até as 23h59 do dia 10 de maio para decidir a questão no julgamento virtual. Contudo, o resultado poderá ser divulgado antes do prazo se todos os ministros anteciparem os votos.

5. A militância democrática está se mobilizando para fazer atos em defesa de Lula e da democracia em várias cidades na próxima segunda-feira (7), para marcar os 30 dias da prisão ilegal do principal líder da oposição ao no Brasil, mantido como preso político na sede da Polícia Federal de Curitiba desde 7 de abril. Um dos principais atos deverá ocorrer em São Bernardo do Campo (SP), na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. “O dia 7 será de atos e panfletagens, conforme orientação da CUT, em todo o Brasil. Vamos juntos denunciar e vamos gritar pela liberdade de Lula”, explicou Sérgio Nobre, secretário-geral da CUT.

Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Boletim 64 – 04/05/2018 – 20h30

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Renda dos trabalhadores cai 20% e inflação de alimentos aumenta

Completa ausência de medidas da área econômica do governo eleva preços de produtos como ól…