Home Portal Notícias Lula Livre Boletins Boletim 49 – Suplicy entrega três mil cartas escritas para Lula

Boletim 49 – Suplicy entrega três mil cartas escritas para Lula

7 min read
0

O vereador paulistano Eduardo Suplicy (PT) entregou à família de Lula, na tarde desta quinta-feira (26), um total de três mil cartas que recebeu em seu gabinete. Todas as cartas serão repassadas ao ex-presidente por seus familiares. Ele não havia conseguido entregar o material quando esteve pela manhã na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. Amanhã (27), será realizado, a partir das 18h30, o ato “Luzes para Lula”, quando serão acendidas velas e feitas orações em apoio a #LulaLivre.

Leia abaixo a íntegra do boletim:

Boletim 49 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Direto de Curitiba – 26/04/2018 – 19h30

1 – O vereador paulistano Eduardo Suplicy (PT) entregou hoje ao ex-presidente Lula três mil cartas que recebeu em seu gabinete, provenientes de todo o País. De manhã, quando esteve nas instalações da Polícia Federal onde Lula está detido como preso político, ele não conseguiu entregar o material. Suplicy seguiu então para 12º Vara de Execuções Penais para se encontrar com a juíza Carolina Lebbos, que reiteradamente tem negado visitas a Lula, inclusive de seu médico. A juíza delegou a decisão à PF e Suplicy conseguiu entregar as cartas, por intermédio dos filhos de Lula.

2- Na parte da tarde, o vereador Suplicy foi visitar o acampamento Marisa Letícia e, acompanhado do deputado federal Leonardo Monteiro (PT-MG), concedeu entrevista à imprensa e participou de um ato na Vigília #LulaLivre, onde leu algumas das cartas que levou para Lula.

3- Jovens do MST pintaram hoje uma faixa para homenagear dona Marisa Leticia, esposa do ex-presidente Lula falecida há pouco mais de um ano, e deram o nome dela a um dos acampamentos. A atividade ocorreu ao longo desta quinta-feira. Oito faixas já foram pintadas pelo pessoal do MST desde o início do acampamento e serviram para nomear os acampamentos e barracas da Vigília. A próxima faixa terá uma frase de Rosa Luxemburgo, em espanhol: “Por un mundo donde seamos socialmente iguales, humanamente diferentes e totalmente livres”.

4- Na sexta-feira (27), será realizado, a partir das 18h30, o ato “Luzes para Lula”, quando serão acendidas velas e feitas orações em apoio a #LulaLivre. Na tarde de hoje, um grupo de mulheres costurou uma manta que será entregue ao ex-presidente.

5- As sete maiores centrais sindicais do Brasil já confirmaram o ato unificado em Curitiba (PR) no 1º de Maio. Essa é a primeira vez que as centrais se unem em ato e pautas comuns. O feito já é considerado histórico pelos dirigentes das centrais que definiram como pautas centrais #LulaLivre e o combate às reformas trabalhista e da Previdência. O ato no Dia dos Trabalhadores será às 14h, na praça Santos Andrade, em Curitiba. Mas antes, todos darão o tradicional “Bom dia” ao ex-presidente Lula. Sindicalistas de outros países virão para o evento.

6-  Em Brasília, a 1400 km de Curitiba, um episódio marcou o Estado de exceção em que o País está mergulhado. No Palácio do Planalto, seguranças proibiram o ingresso de ativistas de movimentos sociais que usavam a camiseta #LulaLivre em defesa da libertação do ex-presidente Lula e em protesto à sua condenação sem provas. Até um indígena usando cocar foi barrado. Os ativistas iam participar 20ª Plenária da Comissão Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica, que acabou não ocorrendo. Os seguranças do Palácio do Planalto adotaram um protocolo de regime de exceção, sem nenhuma justificativa. A procuradora federal dos Direitos do Cidadão, Deborah Duprat, pediu esclarecimentos à Casa Civil da Presidência da República sobre o episódio.

Boletim 49 – Comitê Popular em Defesa da Democracia e de Lula

Curitiba, 26 de abril de 2018

Leia aqui versão em inglês do boletim

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Bolsonaro vai diminuir lista de doenças que dão direito a benefícios no INSS, denuncia Frei Anastácio

O deputado federal Frei Anastácio (PT-PB) denuncia que Bolsonaro prepara mais um ataque co…