Home Portal Notícias Câmara aprova, com voto do PT, novo regime especial de pagamento de precatórios

Câmara aprova, com voto do PT, novo regime especial de pagamento de precatórios

2 min read
0

Com voto favorável da bancada do Partido dos Trabalhadores, o plenário da Câmara aprovou, em primeiro turno, proposta de emenda à Constituição (PEC 212/16), do Senado, que institui novo regime especial de pagamento de precatórios. Com a medida, Estados, municípios e o Distrito Federal tem o prazo final aumentado de 2020 para 2024 para quitarem seus precatórios – que são dívidas contraídas por esses entes federados que foram condenados pela Justiça a fazer um pagamento após condenação judicial definitiva.

O texto determina que a atualização dos precatórios será feita a partir do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E). Prevê ainda a proposta que para saldar os precatórios vencidos, conforme determina o regime especial, os Estados, o Distrito Federal e os municípios devem depositar em conta especial, criada para esse fim, 1/12 (um doze avos) do valor calculado sobre as receitas correntes líquidas, apuradas no segundo mês anterior ao mês de pagamento.

Ao defender a proposta, o deputado Assis Carvalho (PT-PI) disse que a PEC é uma necessidade que os municípios, assim como os Estados, têm de honrar seus compromissos com os seus credores. No entanto, afirmou: “temos que encontrar um ponto de equilíbrio, uma mediação, para que não haja prejuízo para o credor, mas também para que toda a sociedade, toda a população não venha a ser afetada por conta dos desembolsos que precisam ser feitos para honrar esses pagamentos”.

Benildes Rodrigues

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Governo ‘não tem proposta para enfrentar cenário de crise’, diz economista

Tânia Bacelar lembra que o crescimento econômico, antes da pandemia, já era baixo. Para a …