Home Portal Notícias Bancada Feminina escolherá vencedoras da Medalha Mietta Santiago

Bancada Feminina escolherá vencedoras da Medalha Mietta Santiago

7 min read
0

Está agendada para a próxima terça-feira (5), reunião da bancada feminina da Câmara dos Deputados, que escolherá, entre as 15 inscrições homologadas pela Consultoria Legislativa, quem receberá as cinco medalhas da Edição 2018.  A Medalha Mietta Santiago é concedida pela Secretaria da Mulher da Câmara e destinada a agraciar pessoas, instituições ou entidades, campanhas, programas ou movimentos de cunho social, civis ou militares, nacionais ou estrangeiros, por iniciativas relevantes à nação brasileira, relacionas aos direitos das mulheres.

De acordo com o Ato da Mesa n° 158/2017, que regulamenta a outorga da Medalha, serão concedidas anualmente cinco medalhas, a serem entregues em Sessão Solene por ocasião do Dia Internacional da Mulher, no mês de março.

A outorga ocorre em quatro níveis – platina, ouro, prata e bronze, e as candidatas devem comprovar atuação destacada em pelo menos uma das 17 áreas temáticas elencadas pelo regulamento, que incluem economia, direitos humanos e cidadania, educação, juventude, igualdade racial e segurança pública, dentre outros.

Conheça as seis candidatas indicadas pelo Núcleo de Deputadas do PT:

Maria da Conceição Tavares: Considerada uma das economistas de maior influência sobre o pensamento econômico brasileiro, é autora de várias obras sobre o tema. Foi deputada federal e integrou a Comissão Econômica para a América Latina (CEPAL/ONU). É professora titular da UNICAMP e professora emérita da UFRJ. Indicada por todas as deputadas do PT e pelo Líder Carlos Zarattini (PT-SP), concorre na categoria ouro, que premiará mulheres com atuação relevante de abrangência nacional.

Joyce da Silva Fernandes – a Preta-Rara: Rapper, turbanista, professora de história, modelo Plus Size e influenciadora digital com atuação destacada na militância em movimentos negros, feministas e contra intolerâncias. Indicada pela deputada Ana Perugini (PT-SP), concorre na categoria ouro.

Dolores Aronovich Aguero – a Lola: Professora e pedagoga argentina, naturalizada brasileira, criou seu blog em 2008, espaço onde publica textos de sua autoria e de convidadas (os). O blog tem atualizações diárias com mais de 4.400 posts, 270 mil comentários publicados e 300 mil visualizações por mês, o que a transformou em uma das reverências do movimento feminista e, possivelmente, autora do maior blog da temática no Brasil. Indicada pela deputada Luizianne Lins (PT-CE),  concorre na categoria ouro.

Gabriela Barreto Lemos: Jovem cientista, fez estágio de pós-doutorado no Instituto de Óptica Quântica de Viena, na Áustria, e atualmente é pós-doutoranda em informação quântica (física teórica) no International Institute of Physics. Seu trabalho científico tem merecido destaque na mídia nacional e na comunidade científica internacional em função dos resultados de uma pesquisa inovadora, que permite a captação de fotografias através da reprodução de pequenos feixes de partículas, possibilitando a construção de uma imagem que não é visível a olho nu – a fotografia quântica. Indicada pela deputada Margarida Salomão (PT-MG), concorre na categoria ouro.

Gina Vieira Pontes: Professora da Secretaria de Educação do Distrito Federal desde 1991, Gina Vieira Ponte destacou-se pela idealização e execução do Projeto Mulheres Inspiradoras, no qual discute com os alunos (as) o papel da mulher na sociedade, valorizando a figura feminina por meio da leitura de obras de autoria feminina, estudo da biografia de grandes mulheres e dinâmicas com mulheres inspiradoras das comunidades dos alunos. Indicada pela deputada Erika Kokay (PT-DF), concorre na categoria prata, destinada a agraciar mulheres com atuação relevante de abrangência estadual.

Sandra  Terezinha Silva Tarragô: Projeto “Samba se aprende na Escola”, que tem como objetivo disseminar a cultura popular do carnaval no âmbito da comunidade escolar de Porto Alegre, por meio de oficinas, palestras e apresentações, relacionadas à cultura carnavalesca.O projeto tem como foco atividades direcionadas à inclusão social de mulheres e crianças, ao aprofundamento dos laços familiares e ao fornecimento de suporte profissional adequado em caso de necessidade desses grupos. Indicada pela deputada Maria do Rosário (PT-RS), concorre na categoria bronze, concedida a mulheres com atuação relevante de abrangência municipal.

(AP)

Carregar mais notícias
Carregar mais por Assessoria
Carregar mais em Notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nota Oficial: Lula é candidato do povo brasileiro

Diante da decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que marcou em tempo recorde o…