Home Portal Notícias Manchetes Bancada solidariza-se com prefeito e defende projeto que define abuso de autoridade

Bancada solidariza-se com prefeito e defende projeto que define abuso de autoridade

5 min read
0

A bancada do PT na Câmara divulgou nota nesta segunda-feira (30) de solidariedade ao prefeito de Rio Branco (AC), Marcus Alexandre, vítima de abuso de autoridade. Ele e a esposa foram conduzidos coercitivamente pela Polícia Federal até a sede da instituição, depois de terem a residência revistada com base em mandado de busca e apreensão

“Causa estranheza a condução coercitiva, já que o prefeito nunca se negou a colaborar com qualquer investigação. (…) O prefeito de Rio Branco é uma pessoa honrada. No ano passado recebeu da Câmara dos Deputados o prêmio Transparência, em reconhecimento ao trabalho honesto que empreende à frente da prefeitura da capital do Acre”, diz a nota.  Zarattini afirma que este caso é mais um que se soma ao rol de abusos de autoridade na história recente do País. “Daí a importância que a Bancada do PT na Câmara confere ao Projeto de Lei 7596/2017, que define crimes de abuso de autoridade, em tramitação na Câmara dos Deputados”.

Leia a íntegra:

NOTA DE SOLIDARIEDADE AO PREFEITO DE RIO BRANCO

A Bancada do PT na Câmara manifesta sua solidariedade e integral apoio e confiança ao prefeito de Rio Branco (AC), Marcus Alexandre (PT), que na manhã desta segunda-feira (30) tornou-se mais uma vítima de abuso de autoridade.  Ele e a esposa foram conduzidos coercitivamente pela Polícia Federal até a sede da instituição, depois de terem a residência revistada com base em mandado de busca e apreensão.

Causa estranheza a condução coercitiva, já que o prefeito nunca se negou a colaborar com qualquer investigação. Além disso, causa mais estranheza o fato de o mandado expedido dia 28/9 tenha sido executado somente hoje, depois de Marcus Alexandre anunciar, oficialmente, que é pré-candidato ao governo do Estado pela Frente Popular do Acre.

O prefeito de Rio Branco é uma pessoa honrada. No ano passado recebeu da Câmara dos Deputados o prêmio Transparência, em reconhecimento ao trabalho honesto que empreende à frente da prefeitura da capital do Acre. Em todas as suas funções públicas demonstrou espírito público e conduta ilibada.

O caso é mais um que se soma ao rol de abusos de autoridade na história recente do País. Daí a importância que a Bancada do PT na Câmara confere ao Projeto de Lei 7596/2017, que define crimes de abuso de autoridade, em tramitação na Câmara dos Deputados. É um projeto de extrema importância para toda a sociedade brasileira, já que define os crimes de abuso de autoridade cometidos por membros de todos os Poderes e visa garantir essencialmente as liberdades individuais, conquista das sociedades democráticas.

Brasília, 30 de outubro de 2017

Deputado Federal Carlos Zarattini (PT-SP), líder do Partido dos Trabalhadores na Câmara Federal

 

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

CPI do BNDES faz relatório fajuto e mancha a honra de pessoas honestas, acusa Paulo Pimenta

O líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), qualificou hoje (22) como “fajuto” o relatóri…