Home Portal Notícias Pepe Vargas alerta para manipulação de dados da Previdência para aprovar reforma

Pepe Vargas alerta para manipulação de dados da Previdência para aprovar reforma

3 min read
0

O deputado Pepe Vargas (PT-RS) ocupou a tribuna da Câmara na terça-feira (8) para denunciar a tentativa do governo federal de atribuir um gasto com a Previdência Social que não existe. Conforme o parlamentar, informação divulgada nos meios de comunicação nesta terça-feira, de que o governo gasta 56% das despesas primárias com a Previdência é uma falácia para forçar a aprovação da reforma.

Segundo Pepe, a intenção do governo é o desmonte do estado de bem-estar social garantido na Constituição de 1988, o que que vai fazer com que muitas pessoas não consigam se aposentar, vai arrochar o valor das aposentadorias dos que vierem a se aposentar e retardará para aqueles que conseguirem se aposentar.

Se as regras propostas pelo governo estivessem em vigência em 2015 – dados disponíveis no anuário da Previdência -, 79% das pessoas não se aposentariam. “Tecnocratas do governo, dentre eles o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, vieram a público dizer que o governo gasta 56% das despesas primárias com Previdência. Para quem ouve isso parece que o governo gasta 56% do orçamento com Previdência Social, o que não é verdade. O governo gasta 23%, 24% do orçamento com seguridade (saúde, previdência e assistência social) ”.

Conforme o parlamentar, ao manipular o os números, o governo quer dizer que a despesa financeira não pode ser discutida, pois 48% do orçamento é despesa financeira, despesa com juros e serviços da dívida. “Não querem que a sociedade brasileira discuta o conjunto do orçamento. Não venham tentar enganar a população dizendo que 56% do orçamento é gasto com previdência social”, avisou.

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nota do PT: General da Saúde compromete Forças Armadas com crimes de Bolsonaro contra a população

NOTA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES GENERAL DA SAÚDE COMPROMETE FORÇAS ARMADAS COM CRIMES DE…