Home Portal Notícias Outras notícias Temer não renuncia e Brasil continuará sangrando

Temer não renuncia e Brasil continuará sangrando

4 min read
Comentários desativados em Temer não renuncia e Brasil continuará sangrando
0
345

Deputados da Bancada do PT que defendem a renúncia ou o impeachment do presidente ilegítimo Michel Temer, depois que delatores da JBS afirmaram que o golpista deu aval para a compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), usaram as suas redes sociais para comentar o breve pronunciamento de Temer, na tarde desta quinta-feira (18) para afirmar à nação que não vai renunciar. Isso, depois do STF (Supremo Tribunal Federal) ter autorizado, hoje, a abertura de inquérito contra o presidente. A decisão de abrir uma investigação contra Temer foi tomada pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo.

O deputado Paulo Teixeira‏ (PT-SP), em seu twitter, escreveu: “Não adianta dizer que não renuncia. Temer terá que enfrentar o pedido de impeachment que vamos protocolar” e acrescentou que só as eleições diretas podem mudar a situação e restabelecer a democracia no País.

“Temer se calou diante das provas. Destilou valentia e arrogância, típica dos que se acham inimputáveis”, afirmou o deputado Robinson Almeida‏ (PT-BA), também em seu twitter e acrescentou: “Mas nós não descansaremos. Nossa luta é nas ruas!”

Para Leo de Brito‏ (PT-AC), é inacreditável o que está acontecendo. “O presidente sem votos, sem base e sem popularidade não renunciou para manter o foro privilegiado. E o Brasil sangrando”, lamentou em sua conta no twitter. O deputado convocou todas para as manifestações nas ruas por diretas já.

A deputada Margarida Salomão‏ (PT-MG) também afirmou que continuará na luta pela renúncia ou impeachment de Temer. “Temer diz que não vai renunciar e nós dizemos que não vamos desistir enquanto o usurpador estiver na Presidência. Vamos pra rua!”, escreveu em sua conta no twitter.

A deputada Benedita da Silva‏ (PT-RJ) cobrou respeito ao povo brasileiro. “Renuncie já!”, pediu em sua conta no twitter.

Para o deputado Chico D’Angelo‏ (PT-RJ), Temer perdeu a noção. “Não digo que perdeu a vergonha porque traidor não sabe o que é isso”, escreveu em seu twitter.

E o deputado Décio Lima‏ (PT-SC) foi taxativo: “Vamos responder à fala de Temer nas ruas. Ele não conhece a força do povo. Na terça-feira, a CCJ analisará a PEC das Diretas”.

Para o deputado Zé Geraldo (PT-PA) agora resta ao povo aceitar ou não esta decisão. “As manifestações de ontem devem ser reforçadas!”, defendeu. E o deputado Paulo Pimenta (PT-RS) reforçou: “Agora é rua!!”.

 

Vânia Rodrigues

Carregar mais notícias
Carregar mais por Assessoria
Carregar mais em Outras notícias
Comments are closed.

Vejam também

“Esse país tem jeito”, diz Lula ao anunciar caravana por Minas

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a reforçar sua mensagem de otimismo e de …