Home Portal Notícias Zarattini critica exclusão do PT do comando das comissões das reformas trabalhista e previdenciária e anuncia obstrução

Zarattini critica exclusão do PT do comando das comissões das reformas trabalhista e previdenciária e anuncia obstrução

7 min read
0

Zaraentrevista GsutavoB

O líder do PT na Câmara, deputado Carlos Zarattini (SP), criticou nesta quinta-feira (9), em entrevista coletiva, a forma como o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), está conduzindo a tramitação das reformas trabalhistas e previdenciária, com a exclusão do PT da composição das mesas das comissões especiais que discutirão o tema. “E isto nós não vamos aceitar. Vamos iniciar um processo de obstrução nas votações da Câmara até que se discuta condições para que possam participar”, afirmou.

Zarattini enfatizou que o PT é a segunda maior bancada da Casa e lembrou que, no ritmo de atropelo imposto pelo governo golpista e sua base aliada, a legenda foi excluída também da Mesa Diretora da Câmara. “E agora essa tentativa de nos excluir também das comissões especiais”, lamentou.

Para o líder do PT, o debate da reforma trabalhista e da reforma da Previdência começou muito mal. “Os governistas além de usar o rolo compressor contra a oposição, querem aprovar as reformas a toque de caixa para impedir que o povo brasileiro perceba o que está acontecendo, que é uma supressão de direitos”, protestou.

Zarattini alertou que a reforma previdenciária do governo Temer, se for aprovada, praticamente vai impedir que o trabalhador brasileiro aposente. “E se aposentar, será com um valor muito baixo”, destacou.
Sobre a reforma trabalhista, Zarattini explicou que o objetivo do governo golpista é acabar com a jornada de trabalho, como é conhecida hoje. “O que o governo propõe é uma jornada flexível, com a possibilidade de negociações que não passem mais pelos sindicatos. Então, isso evidentemente vai rebaixar os direitos do povo brasileiro, vai rebaixar os salários e aumentar a jornada”, criticou.

PT nas comissões – O líder do PT informou ainda que já indicou os nomes dos deputados que representarão o partido nas duas comissões. Na comissão da reforma da Previdência serão titulares: Arlindo Chinaglia (SP); Assis Carvalho (PI); José Mentor (SP) e Pepe Vargas (RS). Os suplentes são: Reginaldo Lopes (MG); Luizianne Lins (CE); Luiz Sérgio (RJ) e Rubens Otoni (GO).

Para a reforma trabalhista os indicados do PT são:Wadih Damous (RJ); Helder Salomão (ES); Patrus Ananias (MG) e Benedita da Silva (RJ), como titulares. E os deputados Waldenor Pereira (BA), Robinson Almeida (BA), Leonardo Monteiro (MG) e Paulão (AL) como suplentes

Investigação – Questionado por jornalistas sobre o relatório da Polícia Federal que aponta indício de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por Rodrigo Maia, o líder do PT disse que é contra qualquer tipo de vazamento e que o correto é que se faça a investigação de fatos concretos, antes que se divulgue para a população qualquer acusação. “Nós achamos que assim como nós fomos vítimas desse tipo de ação tanto da PF, como do MP, nós também não concordamos de forma alguma que se faça qualquer tipo de ataque utilizando vazamentos. Nós queremos que as coisas sejam feitas com correção”.

Vânia Rodrigues 

Foto: Gustavo Bezerra
Mais fotos: www.flickr.com/photos/ptnacamara

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Líder do PT pede ao presidente do Congresso a devolução de Mensagem Presidencial que define vetos à lei do uso de máscara

O líder da Bancada do PT na Câmara, deputado Enio Verri (PR), solicitou ao presidente do C…