Home Portal Notícias Lula critica calúnias contra o PT e cita mentira de lutador de MMA: “A desfaçatez é muito grande”

Lula critica calúnias contra o PT e cita mentira de lutador de MMA: “A desfaçatez é muito grande”

6 min read
0

mentiras Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem confiança que o Brasil voltará a crescer, a gerar emprego e esperança. A afirmação foi feita durante café da manhã com blogueiros progressistas, nesta quarta-feira (20), no Instituto Lula. “O Brasil vai voltar a crescer, vai melhorar, voltar a gerar emprego e a gerar esperança”, disse.

Durante o encontro com os blogueiros, Lula voltou a reafirmar a força do Partido dos Trabalhadores. Segundo ele, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), será reeleito. “Tem gente que acha que o PT acabou, mas vamos esperar as eleições”, pediu.

Lula também comentou as crescentes agressões contra petistas e apoiadores ao governo da presidenta Dilma, como Chico Buarque, e criticou as tentativas de golpe contra a democracia. Para ele, o PT está “sendo criminalizado” e precisa reagir. “Soube ontem que um lutador disse que meu filho tem um iate de 80 pés! Como um sujeito tem a desfaçatez de mentir assim? Eu daqui pra frente vou processar todo mundo quando couber. A desfaçatez é muito grande”, avisou.

Sobre críticas recebidas pelas palestras que faz, afirmou ser um dos conferencistas mais bem pagos do mundo. “Com orgulho, passei a ser, depois de 2011 o conferencista mais bem pago do mundo. Tem uma razão de ser: eu fui o presidente que mais promoveu inclusão social no século 21″, argumentou Lula.

“Admito que a imprensa tenha lado. A única coisa que não admito é mentira na informação”, acrescentou.

O ex-presidente também saiu em defesa da presidenta Dilma Rousseff e das ações de combate à corrupção promovidas pelas gestões do PT na Presidência da República. “Haverá um momento neste país que vão reconhecer que só se descobre corrupção neste país porque crismo condições para isto. Um dia a Dilma vai receber um prêmio por isso”, disse.

Lava Jato – A respeito dos vazamentos de informações e direcionamento de delações premiadas da Operação Lava Jato, Lula voltou a ser taxativo e reafirmou que nunca cometeu nenhum ato ilícito. “Eu duvido que, neste país, tenha um promotor, um delegado, empresário amigo ou não amigo, que tenha coragem de afirmar que me envolvi em qualquer coisa ilícita neste País”, afirmou.

“Todo dia tem uma notinha dizendo que a chave da pergunta é falar sobre o Lula. Já ouvi dizer que não adianta fazer delação premiada se não falar o nome do Lula. O grande prêmio é alguém falar o nome do Lula. Se não falar, não vale”, atacou Lula.

Ele relembrou que fez uma denúncia sobre o vazamento seletivo em dezembro de 2014 e que a imprensa faz execração pública dos acusados, que tiveram diversos pedidos de habeas corpus negados. “Está na hora de a sociedade brasileira acordar. Exigir mais democracia, mais direitos humanos”, sugeriu o ex-presidente.

Agência PT

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Campanha Nacional Fora Bolsonaro convoca novo ato para dia 19

No próximo dia 19 de junho,  sábado, a Campanha Nacional Fora Bolsonaro realiza nova manif…