Home Portal Notícias Com apoio de Reginaldo Lopes, piscicultura vira fonte de renda no Vale do Jequitinhonha

Com apoio de Reginaldo Lopes, piscicultura vira fonte de renda no Vale do Jequitinhonha

4 min read
0

ATilapia

Os trabalhadores do Vale do Jequitinhonha ganharam mais uma fonte de renda: a piscicultura. Em uma região onde a seca prolongada acaba tornando a agricultura difícil, sem irrigação, a construção de tanques redes para criação de peixes foi a alternativa mais prática e rentável encontrada. Incentivadas pela Emater-MG, com o apoio do deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), 15 famílias apostaram na ideia em Leme do Prado. O parlamentar visitou a cidade para conhecer a iniciativa e articulou junto ao governo e à Emater-MG para viabilizá-la.

De acordo com informações do Governo de Minas, o projeto começou em 2012, quando extensionistas da Emater-MG levaram a proposta aos agricultores familiares. A medida foi aprovada pela Associação dos Produtores Rurais, Agricultores Familiares e Aquicultores de Mandassaia (Apromam), onde o projeto ganhou vida nas águas do rio Jequitinhonha.

Além de fornecer uma renda extra aos trabalhadores da região, gerando empregos, a iniciativa também melhora a qualidade de vida no município e leva mais uma opção de alimentação saudável às comunidades, afirma o coordenador técnico regional da Emater-MG, Inácio de Oliveira.

“Em virtude da falta de opções agropecuárias viáveis para a região, pelo baixo índice pluviométrico, mercado, recursos financeiros e outras deficiências, parte da população migrava para outras regiões a procura de trabalho no período de corte de cana e colheita de café”, explica.

Segundo a Emater-MG, que ofereceu suporte técnico aos piscicultores, foram implantados inicialmente 39 tanques e entregue ração para o primeiro ciclo de produção, por meio do Governo do Estado. Com o sucesso da empreitada, a associação comprou mais 15 tanques, com capacidade para engordar 600 peixes.

O exemplo levou à criação de outras duas associações destinadas à piscicultura na região, beneficiando mais 20 famílias, com 41 tanques, sendo que cada espaço consegue produzir até 400 quilos de peixe. A renda mensal pela prática da cultura é de aproximadamente meio salário mínimo por família, um complemento financeiro para elas.

Site do deputado Reginaldo Lopes com informações da Emater-MG e da Agência Minas

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Petistas relembram e exaltam trajetória de lutas do deputado Assis Carvalho, que faleceu no domingo

O Brasil e a Bancada do PT na Câmara dos Deputados ficaram órfãos, nesse domingo (5), de u…