Home Portal Notícias CUT lança nesta quarta Agenda Legislativa com pautas trabalhistas para o Congresso Nacional

CUT lança nesta quarta Agenda Legislativa com pautas trabalhistas para o Congresso Nacional

5 min read
0

cut congresso nacionalA Central Única dos Trabalhadores (CUT) lançará nesta quarta-feira (2) a Agenda Legislativa da CUT para as Relações de Trabalho 2015, um estudo sobre as pautas de interesse da classe trabalhadora que tramitam no Congresso.

O lançamento será às 14h, no Salão Nobre do Congresso, em Brasília, e contará com a presença do presidente da CUT, Vagner Freitas, e da secretária de Relações do Trabalho, Graça Costa, além do líder do governo na Câmara, deputado Sibá Machado (PT-AC) e do senador Paulo Paim (PT-RS).

Segundo a CUT, a pauta da entidade no Congresso Nacional é ampla, abarcando tanto as reformas política, tributária, agrária e urbana, como a ampliação e aperfeiçoamento dos serviços públicos, o fortalecimento do Estado e da democracia, o combate à desigualdade, à discriminação e à pobreza, entre tantos outros temas.

A Agenda Legislativa da CUT aborda seis temas estratégicos: Combate à Rotatividade; Política de Valorização do Salário-Mínimo; Redução da Jornada de Trabalho Sem Redução de Salário; Terceirização; Negociação Coletiva e Direito de Greve no Setor Público e Fator Previdenciário.

A partir dessas temáticas, foram levantados os projetos em tramitação no Congresso, indicando proposições que representam oportunidades ou ameaças à classe trabalhadora.

Também foram analisados os projetos que tratam de trabalho escravo, igualdade de gênero, saúde e segurança do trabalho, seguridade social, organização sindical, ampliação de direitos, relações de trabalho, acordo e convenção coletiva e sistema nacional de emprego.

Segundo a Central, a análise dos projetos de lei em tramitação no Congresso mostra que é grande a pressão por flexibilização dos direitos dos trabalhadores, seja por conta da crise econômica, seja por conta do conservadorismo dos parlamentares eleitos em 2014.

“Esse cenário demanda uma estratégia de atuação permanente dos dirigentes dentro do Parlamento, tendo em vista a necessidade de diálogo com os deputados e senadores a respeito do impacto dos projetos de lei para a classe trabalhadora”, informa a CUT em nota.

O principal objetivo da CUT com o lançamento dessa agenda é apresentar aos parlamentares, ao governo, ao judiciário e à sociedade o posicionamento da Central sobre determinados temas e, principalmente, mostrar que ainda há muito por avançar nas relações de trabalho no País.

Da Agência PT de notícias

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Nota do PT: General da Saúde compromete Forças Armadas com crimes de Bolsonaro contra a população

NOTA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES GENERAL DA SAÚDE COMPROMETE FORÇAS ARMADAS COM CRIMES DE…