Home Portal Notícias Petrobras e regime de partilha do pré-sal são “intocáveis”, afirmam integrantes de Frente Parlamentar

Petrobras e regime de partilha do pré-sal são “intocáveis”, afirmam integrantes de Frente Parlamentar

6 min read
0

frente petrobras zeca ribeiro“Da Petrobras não abro mão, quero petróleo 100% da nação”. Esta foi a palavra de ordem repetida a cada intervalo entre as falas de parlamentares e representantes da sociedade civil que participaram do ato público na Câmara, nesta terça-feira (25), no qual foi relançada a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Petrobras.

Num momento em que a companhia estatal sofre fortes ataques políticos dos setores que desejam vê-la privatizada e desnacionalizada, os integrantes da Frente Parlamentar foram enfáticos ao dizer que a Petrobras e o regime de partilha na exploração do pré-sal são “intocáveis”.

O deputado Valmir Prascidelli (PT-SP) lembrou que os segmentos que “a vida inteira tentaram vender o patrimônio público e confundir a cabeça do povo brasileiro” agora se aproveitam das investigações sobre corrupção na Petrobras para tentar privatizá-la novamente. “Nós não podemos mais ficar ouvindo passivamente que a Petrobras tem que acabar ou tem que ser privatizada. O debate em questão aqui vai muito além da corrupção. Devemos apurar tudo e punir todos [os responsáveis por atos ilícitos], mas não podemos confundir o significado da Petrobras para o País”, frisou Prascidelli.

O deputado Leo de Brito (PT-AC) disse que a Petrobras é um “patrimônio nacional” e que os atos de corrupção de alguns funcionários precisam ser investigados e os seus responsáveis, punidos, mas a empresa como um todo não pode ser prejudicada. “Precisamos separar as coisas e deixar claro que defender a Petrobras, enquanto empresa, é defender os interesses do Brasil, é evitar que um patrimônio nacional seja esquartejado”, ressaltou o parlamentar acreano.

Assinaram o manifesto pela recriação da Frente 199 deputados e 41 senadores. O deputado Zeca do PT (PT-MS) será coordenador do colegiado na região Centro-Oeste.

Também participaram da reinstalação da Frente Parlamentar as deputadas Benedita da Silva (PT-RJ), Erika Kokay (PT-DF), Maria do Rosário (PT-RS) e Moema Gramacho (PT-BA), além do líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), e dos deputados petistas Adelmo Leão (MG), Afonso Florence (BA), Assis Carvalho (PI), Caetano (BA), Chico D’Angelo (RJ), Enio Verri (PR), Givaldo Vieira (ES), Henrique Fontana (RS) e Luiz Sérgio (RJ).

PT na Câmara

Assista também: 

 Ouça os Deputados Zeca do PT e Vicente Cândido na Rádio PT

” bg=”dd1a22″ leftbg=”dd1a22″ lefticon=”294781″ track=”ff1b2c” tracker=”ffff00″ text=”000000″ righticon=”294781″ width=”300″ rightbg=”408080″ volslider=”ffffff” skip=”ffffff”]” bg=”dd1a22″ leftbg=”dd1a22″ lefticon=”294781″ track=”ff1b2c” tracker=”ffff00″ text=”000000″ righticon=”294781″ width=”300″ rightbg=”408080″ volslider=”ffffff” skip=”ffffff”]

Carregar mais notícias
Comments are closed.

Vejam também

Promulgada PEC de Gleisi Hoffmann que fortalece estados e municípios com repasse direto de recursos

Vai ficar mais fácil o acesso aos recursos das emendas parlamentares individuais destinada…